2018/04/02

iOS 11.3 reforça aposta na privacidade


Embora o aspecto mais aguardado do iOS 11.3 tenha sido a informação sobre a bateria e o abrandamento nos iPhones "lentos" há muitas outras novidades que são interessantes, incluindo a privacidade dos utilizadores.

Não é segredo que, ao longo dos anos, a Apple tem mandado "bocas" à Google, referindo que não está no negócio de ganhar dinheiro à custa da análise de dados dos seus utilizadores, e que faz todos os esforços para que esses dados se mantenham privados. Um assunto que ganha interesse adicional devido ao escândalo do Facebook e Cambridge Analytica e pela chegada iminente da nova regulamentação de protecção de dados na Europa.

Parte das novidades que a Apple está a anunciar acabam por ser obrigações referentes a esse regulamento - como a nova função que a partir de Maio permitirá aos utilizadores descarregarem todos os dados que a Apple tiver sobre si - mas outros surgem em resultado do clima de desconfiança que se vai criando com os dispositivos e software que utilizamos.

É precisamente por se ter chegado a um ponto em que já temos que duvidar se uma janela a pedir os nossos dados de autenticação da conta iCloud é realmente legítima ou se poderá estar a ser criada por uma app maliciosa, que no iOS 11.3 os pedidos legítimos serão acompanhados por uma indicação especial que garantirá que se trata de um pedido legítimo do sistema - um icon com duas pessoas a cumprimentarem-se com um aperto de mão.

... É algo que, à partida, será impossível de replicar por apps de terceiros... mas fico curioso para ver as tácticas criativas que certamente aparecerão para continuar a tentar enganar os utilizadores a divulgarem os seus dados...

1 comentário:

  1. Já me deparei com essa situação, sim. "Está-me a pedir as credenciais da conta da Apple porquê, se não estou a fazer compra nenhuma nem fiz nada que exigisse as credenciais?"
    Fica-se na dúvida se não será uma app maliciosa a pedi-las.

    ResponderEliminar

[pub]