2018/09/08

Xiaomi promete preço máximo de $699 nos seus smartphones


O preço dos smartphones topo de gama tem subido ao longo dos últimos anos, até mesmo no caso de marcas que se lançaram no mercado com preços reduzidos, mas a Xiaomi vem sossegar os fãs e prometer que nunca irá lançar um smartphone com preço acima dos $699.

Hoje em dia, e para mal das nossas carteiras, começa a ser cada vez mais comum ver modelos topo de gama com preços próximos, ou até acima, dos mil euros. Os maiores fabricantes não olham a meios para rechear os seus topo de gama com as mais recentes tecnologias, acabando por se reflectir no preço, que há muito deixou para trás a barreira dos 500 euros.

De acordo com as declarações de Manu Kumar Jain, gestor da Xiaomi India, a marca nunca irá vender um smartphone com preço acima dos $699, dizendo que não há tecnologia no mercado que justifique isso, também possível pela sua promessa de não exceder os 5% de margem de lucro nos seus equipamentos - sendo algo que podemos ver em acção no recente Pocophone F1, um topo de gama a 299 euros.


Mas esta é uma táctica que não é exclusiva da Xiaomi, bastando olhar para o caso da Asus e do seu mais recente topo de gama. O ZenFone 5Z chegou ao mercado nacional com um preço de 499 euros, o que para um smartphone com um Snapdragon 845, 6GB de RAM, 64GB, câmara dupla (com estabilização óptica), sistema de carregamento com AI, dual SIM e ecrã full-screen (com notch) de 6.2", é altamente competitivo, até face a modelos que tradicionalmente se posicionavam como alternativa aos grandes fabricantes, como os OnePlus.

Quem fica a ganhar é o consumidor, que assim vai tendo opções cada vez mais interessantes, a metade do preço que é pedido pelos topos de gama de outros fabricantes.

1 comentário:

  1. Qual o prexio do MI8 Explorer??

    Ou esta referencia de preços é para o mercado Chines?

    ResponderEliminar

[pub]