2018/10/12

Google Home Hub não usa Android Things mas sim o Google Cast


O Google Home Hub pode ter a aparência de um tablet Android, mas ao contrário dos restantes Smart Displays com Google Assistant que estão a chegar ao mercado, não tem qualquer relação com essa classe de equipamentos. Na verdade, o Home Hub tem mais parecenças com um Chromecast do que com um tablet Android.

Enquanto os smart displays de outros fabricantes têm recorrido ao Android Things como plataforma de funcionamento, para o Home Hub a Google optou por usar o Google Cast como base. Uma opção que não deixa de ser válida, considerando que se trata de um dispositivo com funcionalidades específicas... mas que não deixa de ser estranha (para os a Google recomenda uma coisa, e depois ela própria usa outra...)

Veremos como tudo isto irá resultar a longo prazo, não se devendo esquecer que, ao contrário do que acontece nos smartphones, onde se aceita que seja natural trocar de smartphone com relativa regularidade (1, 2, 3 anos), nos dispositivos para a casa espera-se que os mesmos funcionem durante 5, 10, ou mais anos... e com o historial que a Google tem tido no suporte a longo prazo... esse será um dos aspectos que me parece mais preocupante.

Comprariam uma moldura digital, ou um controlo remoto programável que só funcionasse por 3 ou 4 anos? É que até o Android Things, que a Google está a promover junto dos parceiros, tem actualizações garantidas durante apenas 3 anos, e isso será algo que se deverá ter em conta antes de "entrar de cabeça" neste mundo dos smart displays.

1 comentário:

[pub]