2019/01/05

HTC afundou-se ainda mais em 2018


Dizer que longe vão os tempos de sucesso da HTC não é propriamente novidade, pois os resultados dos últimos anos já mostravam para um cenário nada positivo. Infelizmente, a marca não conseguiu inverter essa tendência, afundando-se ainda mais durante o ano de 2018.

De acordo com os dados que a própria marca divulgou, a receita ficou-se pelos 23.74 mil milhões TWD (cerca de $770 milhões) em 2018, sendo esta a primeira vez que a mesma ficou abaixo de mil milhões de dólares.

Este resultado representa uma redução de 62% face à receita obtida em 2017, sendo este o valor mais baixo desde 2005. Ainda não há resultados para o quarto trimestre mas o panorama não é animador, com a HTC a registar perdas operacionais de $361 milhões nos três primeiros trimestres do ano.


Os dados revelam uma clara tendência negativa desde 2011, altura em que a HTC registou o melhor resultado dos últimos anos. Convém recordar que estes eram ainda os primeiros tempos do Android (Gingerbread), e quando a marca HTC ainda era vista como referência no mercado - estatuto que infelizmente deixou escapar desde essa altura.

Sucessivas apostas falhadas e uma teimosia em impor o HTC Sense acabaram por contribuir decisivamente para o actual estado desta mítica marca, que detém um passado histórico no mundo mobile. É por isso mesmo com muita pena que se vê a HTC a ser incapaz de se adaptar e reafirmar nestes novos tempos, ficando no ar a dúvida se neste momento ainda valerá a pena continuar a lutar contra um destino que parece cada vez mais óbvio.

3 comentários:

  1. Ser da "outra China" (Taiwan) também não deve ajudar.
    Fica-lhe vedado o mercado chinês, que é o principal mercado para smartphones.

    "Ah, mas a Samsung, que não é chinesa (mas tem lá fábricas), vende pouco para a China, aguenta-se e é o maior vendedor mundial". Vamos ver até quando e somando a "armada chinesa" como é que fica.

    ResponderEliminar
  2. Com efeito, a China parece que está a iniciar aquele procedimento mais ou menos esperado por todos, que é o de "mostrar os dentes"...
    Quando irá "morder"?

    ResponderEliminar
  3. Triagens são feitas todos os dias, segue-se a Sony (e a LG que não se ponha a pau...).

    ResponderEliminar

[pub]