2019/02/28

Titanium Backup foi removido da Play Store - por instruir como fazer root


A popular app de backup para Android Titanium Backup foi misteriosamente removida da Play Store pela Google, e não foi fácil descobrir o motivo.

O Titanium Backup é uma daquelas apps que muitos utilizadores instalam assim que ligam o seu smartphone Android pela primeira vez, permitindo fazer um backup praticamente integral de qualquer dispositivo, muito para além daquilo que habitualmente fica nos backups "normais". Infelizmente, há alguns dias o Titanium Backup foi removida pela Google da Play Store, para grande surpresa dos utilizadores e dos seus developers.



Aparentemente, na origem da remoção estariam as permissões da app às funcionalidades de chamadas e SMS, coisa que os responsáveis pela app se apressaram a remover... mas aparentemente sem surtir efeito.

Só por culpa do "barulho" gerado pelos fãs da app é que a Google parece ter dado mais algumas dicas sobre o problema, e que aparentemente estaria relacionado com o facto de não estarem a ser correctamente descritos os motivos pelos quais certas permissões eram necessárias... e também por fornecerem instruções sobre como fazer root dos equipamentos.




Para o conseguirem fazer regressar à Play Store, foi necessário remover do Titanium Backup as funcionalidades de backup e restauro de SMS e histórico de chamadas em equipamentos sem root; assim como a remoção das instruções de como fazer root aos smartphones da sua Knowledge Base. Ou, posto de outro modo, tornam a app muito menos interessante para quem gostasse de o usar exactamente por essa capacidade de poder guardar e recuperar os SMS e histórico de chamadas.

... Pena é que a Google pareça estar mais empenhada em simplesmente cortar o acesso a funcionalidades úteis e que os utilizadores procuram (e penalizar apps que têm conseguido manter a confiança dos utilizadores ao longo de quase uma década), do que disponibilizar formas "correctas" para realizar essas operações sem necessidade de se fazer root ao equipamento.

2 comentários:

  1. O Windows phone já tinha essas funcionalidades de origem. Nunca percebi o porquê do Android não o ter.

    ResponderEliminar
  2. Pelo que percebi da explicação, o backup dos SMS e histórico pode continuar, desde que a utilização das permissões seja revista.

    Menos mal, mas Google volta a ficar mal na fotografia...

    ResponderEliminar

[pub]