2019/03/15

Rakuten TV chega a Portugal com filmes de cinema em 4K


O Rakuten TV já está disponível em Portugal, oferecendo uma proposta diferente no streaming de filmes, com acesso a filmes que passaram recentemente nos cinemas com qualidade 4K, e prometendo qualidade 8K para o futuro.

A Rakuten, gigante japonês do comércio online, expandiu o seu serviço de streaming Rakuten TV na Europa. Ao contrário de serviços como a Netflix, Amazon Prime Video ou o mais recente HBO Portugal (sendo que este último bem podia aproveitar a dica para também melhorar a qualidade para os 4K), o Rakuten TV não aposta no pagamento de mensalidades, mas sim na disponibilização de acesso fácil a um vasto catálogo de filmes, incluindo filmes que estrearam recentemente no cinema.

Por exemplo, já por lá podemos encontrar filmes como Bohemian Rhapsody, Venom, First Man, A Star is Born, ou The Predator - todos em UHD 4K - com preços que variam entre os €3.99 e os €4.99. Um valor que me parece bastante aceitável considerando que uma ida ao cinema em família representaria vários múltiplos disso (para não falar da elevada probabilidade de levar com alguém a comer pipocas ruidosamente mesmo ao nosso lado), com o filme a ficar disponível para se ver quantas vezes se quiser durante um período de 48 horas.


Para quem acreditar na longevidade do serviço, é também possível comprar os filmes que se quiser manter, com um preço de cerca de 14 euros - também em qualidade Ultra HD 4K. Com cada compra e aluguer vamos também acumulando pontos, que posteriormente poderão ser utilizados para alugar ou comprar filmes.


O serviço apresenta opções de aluguer e compra para várias qualidades (SD, HD, UHD), mas pelo menos por agora está a praticar um preço único para todas as qualidades - algo que esperamos que não seja apenas um chamariz, e se possa manter para o futuro.

E falando de futuro, a Rakuten - ou não se tratasse de uma empresa japonesa - vai também já referindo que estará na linha da frente para fornecer os filmes em resolução 8K assim que ficarem disponíveis.

1 comentário:

[pub]