2019/07/02

Editores recomendam pirataria em vez de comprar na G2A


As lojas de venda de jogos a preço reduzido voltam a frustrar os editores e developers, que chegam ao ponto de recomendar que os interessados pirateiem os jogos em vez de os comprar em sites como o G2A.

A guerra entre editores e developers e sites de venda de jogos a preço de saldo - como o G2A - continua. Nos últimos dias, vários editores voltaram à carga, reclamando das tácticas da G2A em comprar publicidade para ficarem acima dos resultados oficiais nas pesquisas no Google, e dizendo que será preferível piratear o jogo do que comprá-los nestas lojas.



Segundo eles, não só os developers não recebem um cêntimo quando os jogadores compram jogos nestas lojas, como ainda vão ter despesa acrescida a nível do suporte ao lidar com pagamentos cancelados, jogadores enfurecidos com chaves bloqueadas, etc. Isto apesar destes sites insistirem que não recorrem a tácticas ilegais para obterem os jogos a preço reduzido.

... E que tal se as empresas que dizem ser defensoras dos direitos dos autores se preocupassem em investigar estas lojas e esclarecer as suas tácticas duvidosas, em vez de dispararem processos para todos os IPs que ousem fazer um qualquer download? Não seria uma utilização bastante mais eficiente e produtiva do seu tempo, e verdadeiramente defensora de quem dizem querer defender? Podiam até ir explorando toda a cadeia de negócio, incluindo o papel da Google ao vender e apresentar a publicidade a estas lojas.

4 comentários:

  1. Atenção que creio que falta o resto da história... Eu também costumava comprar na G2A, mas deixei de o fazer à já alguns meses (talvez 1 ou 2 anos). Isso porque existem suspeitas muito fortes (algumas fundamentadas) em que se verificou que a G2A autorizava e autoriza, utilizadores a venderem jogos roubados. E mesmo depois de saberem, eles não quiseram saber.
    Os meus jogos para PC compro-os quase todos através do site AllKeyShop que me encontra os preços mais baixos nas diversas lojas online (além das conhecidas, aparecem também as oficiais: Microsoft, Steam, Ubisoft, etc).
    Apesar disso, estou tendencialmente a comprar cada vez mais os jogos no GOG.

    ResponderEliminar
  2. Comprar chaves em sites tipo G2A é o mesmo do que ir à feira comprar DVDs pirata. Pirataria por pirataria mais vale aquela que permite o download de graça. Mesmo que as chaves não tenham sido compradas com cartões de crédito roubados, muitas são para utilização em regiões específicas ou apenas para empresas, logo estão na mesma a infringir os termos de utilização e a lei, isto apesar de haver blogs de tecnologia que garantem a pés juntos que não. Ppl...cof...ware...cof...

    ResponderEliminar
  3. sempre comprei no instant-gaming e nunca tive problemas. melhor loja para comprar jogos

    ResponderEliminar

[pub]