2019/07/13

Tachyum promete CPU capaz de simular cérebro humano já em 2020

Quando se pensava que o mercado estava saturado, eis que a Tachuym anuncia as suas intenções de lançar um CPU que supera os existentes da Intel, AMD, e também os GPUs da Nvidia e AMD. Segundo eles, o seu Prodigy permitirá simular um cérebro humano já em 2020.

A Tachuym diz que o seu Prodigy Processor Universal Chip será capaz de processar muito mais informação que os mais potentes CPUs da actualidade, e fazê-lo com um consumo de energia 10x inferior e um custo 3x inferior - referindo-se ao seu processador com 64-cores. Com isto, diz que será possível atingir um nível de processamento Exaflop usando "apenas" 250 mil chips.

Se isso não fosse já um objectivo ambicioso, a Tachuym reforça a aposta dizendo que o seu chip permitirá simular redes neuronais do tamanho de um cérebro humano em tempo-real já no próximo ano! Algo que as previsões actuais apontavam para que apenas se tornasse possível em 2028.

Claro que prometer é fácil, o complicado será concretizar essas promessas. Saberemos no próximo ano, se realmente tivermos estes chips super-potentes a permitirem criar réplicas digitais de cérebros humanos.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]