2019/10/21

Pixel 4 fica-se pelos 112 pontos DxOMark

A Google não conseguiu manter o habitual ponto forte dos modelos Pixel, sendo que mesmo com a transição para uma câmara dupla no Pixel 4 apenas se consegue manter - por pouco - no top 10 do DxOMark, a par de modelos do ano passado.

O novo Pixel 4 tem câmaras excelentes, que seguramente irão estar à altura do que os compradores esperariam, mas o problema é que a Google parece não ter conseguido manter a vantagem sobre a concorrência que deteve nos tempos iniciais da "fotografia computacional". Ou seja, a aposta que marcas como a Huawei, Samsung, Honor, Xiaomi e OnePlus também têm feito nas câmaras dos seus smartphones, já lhes permite enfrentar (e superar) aquilo que a Google tem feito.

O Pixel 4 fica-se pelos 112 pontos, que embora sinalize uma evolução face aos 102 pontos do Pixel 3, acaba por o deixar apenas empatado com o Mate 20 Pro do ano passado, atrás de modelos como o Galaxy S10+, Honor 20 Pro e OnePlus 7 Pro.


Mais distantes ficam cos Galaxy S10 5G, P30 Pro e Note 10+ (nos 116 e 117 pontos), enquanto que na primeira posição da tabela, e único com valor dos 120 pontos, permanece o Mate 30 Pro (com 121).

Veremos se a Google consegue fazer melhorias substanciais via actualização, ou se teremos que esperar pelo próximo ano, pelo eventual Pixel 5 com câmara tripla. (Afinal, o ano passado a Google dizia que não precisava de câmara dupla e que conseguia fazer tudo com uma - e passou a incluir uma teleobjectiva no Pixel 4; e este ano diz que a teleobjectiva é mais útil que a grande angular... o que parece ser um prenúncio garantido de que teremos uma no próximo modelo.)

2 comentários:

  1. Onde anda o iphone? Já saiu há tanto tempo e ainda não está na lista?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A DxOMark está à espera da versão final do iOS 13.2 com o Deep Fusion

      Eliminar

[pub]