2019/11/16

Oxigénio em Marte intriga cientistas


Os cientistas têm um novo mistério a juntar à longa lista de perguntas sobre Marte: a variação de oxigénio ao longo do ano, e para a qual não existe ainda uma explicação.

Analisando os dados sobre a composição da atmosfera medidos pelo rover Curiosity na cratera Gale ao longo dos últimos anos, os cientistas descobriram padrões que se encaixam naquilo que era esperado ao longo das estações... mas também algo que não conseguem explicar: a variação do oxigénio.


Durante o período de Primavera-Verão o nível de oxigénio ficou bastante acima (30%) dos valores que seriam previsíveis; enquanto que no período de Inverno há alturas em que o valor fica bastante abaixo do valor esperado.

Mesmo tendo em conta o congelamento e degelo do CO2 nos pólos, que altera a pressão atmosférica marciana, os cientistas da NASA não conseguem explicar esta discrepância, a não ser a suposição de que haverá algum mecanismo (ou organismos?) que esteja a libertar ou gerar oxigénio durante o Verão e a absorvê-lo ou consumi-lo durante o inverno.

Mais uma boa questão que esperamos ver respondida à medida que vamos aprendendo e descobrindo mais coisas sobre o planeta vermelho.

4 comentários:

  1. Já é á alguns anos um quebra cabeças para os cientistas até porque a destruição do oxigénio sem consumo também não é nada fácil de explicar, existem duas teorias para a criação do oxigénio a orgânica ( seres vivos ) ou a inorgânica ( actividade sísmica ou reação química ou outras ) e pelos vistos ainda estamos longe de conseguir explicar este fenômeno que é um dos mais interessantes do momento.

    ResponderEliminar
  2. O melhor era alguém ir lá ver, gastam-se rios de dinheiro em APPs que não servem para nada e a exploração espacial completamente estagnada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vai ter de ser mesmo, ou então com a ajuda da análise dos rovers que andam por lá, mas é pouco provável que eles nos possam ajudar muito mais, vamos mesmo ter de lá ir.

      Eliminar
    2. Bem, não concordo muito que a exploração espacial esteja completamente estagnada. Aliás, acho que de há uns anos para cá temos vindo a assistir a um ressurgimento espacial a todos os níveis e neste momento estão a acontecer coisas bastante importantes.

      Relembro por exemplo que do lado da SpaceX vamos ter os protótipos da Starship em voos orbitais de teste já daqui a 6 meses (mk4 e mk5) e a Crew Dragon irá também no próximo ano viajar até à estação espacial com astronautas a bordo (a Starliner da Boeing também irá levar astronautas para a ISS no próximo ano).

      A NASA com seu programa Artemis (SLS/Orion) promete levar novamente o homem a pisar a lua em 2024 e há também a possibilidade da Starship poder poisar na lua por essa altura.

      Quanto a Marte, vamos ter 3 Rovers diferentes a serem lançados no próximo ano (da ESA, da NASA e da China) que irão "aterrar" em Fevereiro de 2021.

      Exciting times ahead, digo eu :)

      Eliminar

[pub]