2020/07/07

Vídeo em VVC H.266 vai ocupar metade do espaço do H.265


Fraunhofer anunciou que já está finalizado o novo Versatile Video Codec (H.266/VVC) que virá substituir o HEVC (H.265), prometendo poupanças de 50% face à largura de banda e espaço ocupado.

Os codecs de compressão vídeo são responsáveis por podermos ter coisas como os DVDs, Blu-ray, e todos os serviços de streaming que conhecemos, tendo a ingrata tarefa de pegar na imensa quantidade de informação que um vídeo contém e reduzi-la para valores que permitam um mais fácil armazenamento e transmissão. Ao longo dos anos esses codecs têm feito um trabalho incrível, e cada novo codec vai levando a sua eficiência para níveis que desafiam a imaginação - tal como acontece com este VVC.

O Versatile Video Codec (VVC/H.266) está preparado para lidar com vídeo 8K e de resoluções superiores, com HDR, e também formatos de vídeo 360º, e será capaz de reduzir o espaço ocupado para metade face ao actual HEVC / H.265. Ou seja, um vídeo 4K de 10GB passará a ocupar apenas 5GB, facilitando o processo de transmitir conteúdos Ultra HD com maior qualidade ou poupando no consumo de dados.


A Fraunhofer diz que irá disponibilizar os primeiros encoders/decoders por software no Outono, sendo de esperar que os primeiros chips dedicados com este codec por hardware só comecem a aparecer no próximo ano.

4 comentários:

  1. Vamos a ver qual a resposta do grupo MPEG, criadores do HEVC e também do grupo AOMedia Video (AV1).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Fraunhofer (a empresa aqui falada que está a trabalhar no 266) também é uma das empresas que trabalhou no 265, isto não é concorrência, é evolução...

      Eliminar
    2. Evolução do H265 e concorrência ao AV1...

      Eliminar
  2. Com isto e como usamos mais o H264, este H265 nem chega a ter o seu tempo!

    ResponderEliminar

[pub]