2020/11/16

Apple promete opção para não enviar dados das app no macOS

As críticas feitas à monitorização feita pela Apple no macOS já deram frutos, com a Apple a prometer recolher menos informações e dar opções a quem não quiser fazer as verificações para executar apps.

O facto da Apple estar a enviar informação as apps que os utilizadores utilizam no macOS - e ainda por cima usando canais não encriptados - tem dado bastante que falar. Agora, a marca da maçã vem dizer que tem estado atenta às críticas e promete mudanças em resposta a isso. Para já, a Apple diz que irá deixar de guardar o registo dos IPs para que essa informação não possa ser associada a utilizadores específicos. Uma medida positiva mas que poderá não ser suficiente para convencer os mais desconfiados, já que o endereço IP continuará a ser algo a que a Apple tem acesso, assim como todos os que conseguirem interceptar estas comunicações. Mas felizmente, há mais promessas.

Para o próximo ano a Apple diz que irá implementar um protocolo encriptado para esta comunicação, para impedir que esses dados sejam interceptados; aplicar novas medidas que evitem que uma falha nos servidores possa interferir com o funcionamento dos Macs; e, por último e talvez mais importante, que irá dar opção aos utilizadores para desligarem estas verificações de segurança.

Desta forma, que achar que a segurança da validação das app feitas pela Apple não justifica a potencial invasão de privacidade, terá a possibilidade de desligar essa verificação e o envio de informação - no fundo, aquilo que os utilizadores estavam a pedir, e que a Apple bem poderia ter disponibilizado desde logo, evitando toda esta polémica.

2 comentários:

  1. Parece que as questões de privacidade e de segurança são ainda piores do que inicialmente relatado:
    https://thenextweb.com/plugged/2020/11/16/apple-apps-on-big-sur-bypass-firewalls-vpns-analysis-macos/

    ResponderEliminar

[pub]