2021/04/02

Casio lança G-Shock com Wear OS

Com as devidas ressalvas de um anúncio feito a 1 de Abril, a Casio parece ter criado o seu primeiro G-Shock com Wear OS.

O G-Squad Pro GSW-H1000 não é o primeiro smartwatch Wear OS da Casio, que já tinha lançado vários Pro-Trek, assim como alguns G-Shock smartwatch mas com sistema proprietário. No entanto, é o primeiro da gama G-Shock a fazê-lo, combinado a tradicional resistência destes modelos com a versatilidade da utilização do Wear OS e de uma vasta gama de apps.
O GSW-H1000 mantém as dimensões "generosas" que são comuns a muitos dos seus modelos (65.6 x 56.3 x 19.5 mm), e uso um ecrã duplo para melhorar a autonomia: um ecrã LCD a cores de 1.32", que pode ser desactivado para revelar um ecrã LCD monocromático que mostra as horas e alguma informação mais básica. Algo que lhe permite anunciar mais de um mês em modo de poupança de energia máximo; embora seja de esperar que, dando uso a todas as suas funcionalidades, a autonomia desça para um dia ou dois, como é habitual nos smartwatches Wear OS. Temos ainda GPS, tracking de 15 actividades e 24 tipos de treino, sensor de frequência cardíaca e VO2max, e resistência à água até 200 metros.


Fica disponível em Maio, com um preço que deverá andar perto dos 600 euros.

2 comentários:

  1. Quando os G-Shocks eram grandes relógios, resistentes, com muitas funções e relativamente baratos. Agora custam quase mil euros.

    ResponderEliminar
  2. Com efeito... A Casio quer ser a Apple dos relógios, é isso? 🤨🤔

    ResponderEliminar

[pub]