2021/06/09

iOS 15 reforça privacidade nos emails

Com o iOS 15 chega uma nova funcionalidade de protecção no email, que poderá agradar aos utilizadores mas está a angustiar quem depende do tracking do email.

Depois de actualizarem para o iOS 15, os utilizadores vão ser informados de que o sistema activou uma nova opção de privacidade no email. Este sistema encarrega-se de abrir os emails e conteúdos automaticamente em background, mesmo que o utilizador não o faça. O objectivo é que dessa forma se evita o tracking que é frequentemente usado nos emails para determinar se os utilizadores abriram os emails, e quando os abriram. Já que, sendo feito de forma automática, todos os emails ficam classificados como tendo sido imediatamente entregues e abertos, mesmo não o sendo, deixando de revelar qualquer informação útil para quem os envia.


Mas como sempre, há o outro lado da questão. Para quem mantém e gere newsletters, em que é importante saber quem é que está a lê-las e quem não interage com elas, esta nova opção revela-se um grande pesadelo.

Em última instância, isto será algo que deverá ficar sempre ao critério do utilizador e não de quem deseja fazer o tracking. Da mesma forma que está nas mãos de cada um decidir se utiliza um ad-blocker no browser, ou se o desactiva para os sites que considerem ser merecedores.

Talvez no iOS 15.1 se venha a ter algo idêntico, permitindo designar alguns remetentes de email como tendo esta opção desactivada, mas mantendo-a para todos os outros.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]