2021/07/30

Huawei oferece upgrade de memória a smartphones antigos para actualização para HarmonyOS

A Huawei quer fazer chegar o seu Harmony OS até aos smartphones mais antigos, como o P10, e está a incomum possibilidade de fazer upgrade à memória flash para facilitar essa actualização.

Muitos utilizadores terão os seus smartphones com a memória flash razoavelmente ocupada, especialmente no caso de smartphones que se tem utilizado há vários anos. Por isso, a Huawei está a propor o upgrade da capacidade de memórias de diversos modelos mais antigos (e não tão antigos), duplicando a sua memória flash.

A campanha abrange modelos como os Mate 9, Mate 10, Mate 20, Mate 30, P10, P20, e P30; em que os modelos de 64 GB passarão a ter 128 GB, os 128 GB passarão para 256 GB, e os de 256 GB para os 512 GB. Também os modelos dos Nova 2s até aos Nova 7 SE 5G terão direito a igual campanha, numa fase posterior. E o preço indicado é de 49 euros, o que não será uma má proposta para quem estiver a pensar manter estes smartphones durante mais alguns anos.
Este tipo de upgrade é incomum no ocidente mas já se tornou relativamente popular nos países asiáticos, com lojas especializadas em abrir os smartphones e trocar chips de memória por outros de maior capacidade, permitindo aumentar a memória por uma fracção do preço que é cobrado pelos fabricantes.

É curioso ver uma marca recorrer a esta táctica, mas a Huawei está numa posição em que tem que fazer todos os possíveis por manter os seus clientes antes que se escapem para outros fabricantes. Só não ficou explicado se estes modelos antigos, que actualmente têm acesso à Play Store e apps Google, continuarão a ter esse acesso depois de serem actualizados para o HarmonyOS, ou se terão que dizer adeus à Google. É que se for este último caso, não me parece que surjam muitos interessados na actualização para o Harmony OS.

1 comentário:

[pub]