2021/10/28

Canon PowerShot PX quer ser o fotógrafo de família para todas as ocasiões

A Canon está a propôr uma nova câmara, PowerShot PX, que pode funcionar automaticamente para registar fotos de família sem necessidade de um fotógrafo tradicional.

Ao longo dos anos já vimos surgir projectos e produtos que prometiam ir registando a vida dos utilizadores em fotos e vídeo de forma autónoma. Agora a Canon expande esse conceito para o ambiente familiar com a Canon PowerShot PX, uma pequena câmara portátil pan-tilt, idêntica a uma câmara de vigilância, mas que tem a capacidade de escolher e registar os momentos que considera mais marcantes - criando um álbum de memórias sem que os utilizadores se tenham que preocupar com andar com o smartphone, ou câmara, na mão, a tirar fotos e a "perder os momentos".

Pelo menos um dos argumentos é bastante atractivo: o facto de acabar com o síndroma da "pessoa desaparecida", em que a pessoa que habitualmente cumpre a tarefa de fotógrafo raramente aparecer nas fotos desses eventos e ocasiões familiares. Mas, saber se isso é suficiente para os consumidores colocarem mais uma câmara nas suas vidas, isso é algo que só o mercado poderá responder - e acho que a resposta estará directamente relacionada com o preço de 489 euros que a Canon pede por esta PX.



Estariam dispostos a ter uma câmara destas em casa? E sim, qual seria o limite de preço que estariam dispostos a pagar? (Eu provalmente até poderia considerar essa opção, mas teria que ter um valor que não passasse os 100 euros, ou perto disso).

1 comentário:

  1. Desde que uso telemóveis, nunca mais usei câmaras fotográficas.
    🤔😬

    ResponderEliminar

[pub]