2021/12/27

Os mega-foguetes esperados para 2022

Os fãs da nova corrida ao espaço vão ter um ano em cheio, potencialmente assistindo-se à estreia de 4 novos mega-foguetes durante o ano de 2022.

Os últimos anos têm estado renhidos a nível de empresas privadas que querem servir como porta de acesso ao espaço. Se a maioria começa por se dedicar a transportar satélites de pequenas dimensões, várias delas têm também trabalhado em foguetes de dimensão mais generosa. Apesar dos atrasos (todos os foguetes que vão ser referidos tinham inicialmente sido apontados para 2022), pelo menos alguns deles irão voar no ano que está prestes a iniciar-se:

SpaceX Super Heavy

Capacidade de carga LEO: 150 toneladas
Data: Janeiro - Fevereiro 2022

A SpaceX continua o seu desenvolvimento a velocidade que parece ser impossível de acompanhar, e em 2022 deveremos ver o primeiro Super Heavy a voar, com evoluções frequentes daí em diante.


NASA Space Launch System

Capacidade de carga LEO: 95 toneladas
Data: Março - Abril 2022

O muito atrasado e dispendioso SLS da NASA também deverá elevar-se nos céus este ano, esperando-se que isso aconteça antes do meio do ano.


ESA Ariane 6

Capacidade de carga LEO: 22 toneladas
Data: 2º semestre 2022

O Ariane 6 europeu também tem sofrido atrasos, e conta agora com esperanças de um lançamento antes do final de 2022, mas para isso será necessário que tudo corra bem e sem surpresas negativas.


United Launch Alliance Vulcan

Capacidade de carga LEO: 27 toneladas
Data: 2º semestre 2022

Também esperando voar este ano mas ainda sem garantias disso (estão dependentes do fornecimento dos motores pela Astrobotic) o Vulcan arrisca-se a ser um dos foguetes deste lote que poderá ficar adiado até 2023.


Blue Origin New Glenn

Capacidade de carga LEO: 45 toneladas
Data: final de 2022

Por fim, o New Glenn da Blue Origin, a empresa de Jeff Bezos. A Blue Origin também anuncia uma data de lançamento muito optimista, mas poucos acreditam que este foguete poderá voar ainda de 2022 - sendo mais certo que isso só venha a acontecer em 2023 ou até mesmo 2024.


Esperemos que o ano seja bastante preenchido com lançamentos destas mega-máquinas, capazes de colocar dezenas de toneladas em órbita.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]