2022/04/19

Placas gráficas começam a regressar aos preços normais

Após quase dois anos a preços inflacionados as placas gráficas começam a regressar aos preços normais.

Coincidindo com o período Covid-19, mas também devido a uma conjugação de outros factores, muitas das placas gráficas mais apetecíveis com GPUs Nvidia e AMD têm estado continuamente esgotadas e com preços exorbitantes muito acima dos preços recomendados pelas marcas. Em certo meses, placas gráficas como a RTX 3080 da Nvidia, com preço recomendado de $699, chegaram a estar a mais de $2100 - exemplo perfeito da loucura a que se chegou.

Felizmente, esses tempos parecem estar a terminar, e usando o Ebay como referência, os preços têm estado em queda.

Apesar de algumas delas ainda terem preços exagerados, outras há cujas ofertas em segunda mão já são feitas com valores abaixo do preço recomendado das novas - em contraste com o que se passava há alguns meses, em que mesmo as placas usadas podiam custar o dobro do preço recomendado.

Esperemos que a situação rapidamente abranja todas as placas, permitindo um regresso à normalidade para quem procura uma nova placa gráfica para o seu PC de jogos.

4 comentários:

  1. Isto tudo por causa do Ethereum 2.0

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Errado. Tudo isto por causa da pandemia.

      Eliminar
    2. Errado. Tudo isto por causa das moedas digitais seguido da pandemia (por essa ordem) que levou a causas secundárias como ganância e especulação.
      Nos primeiros meses da pandemia andava tudo às aranhas e afetou a produção em Q1 e Q2 de 2020, mas isso foi corrigido.
      Unidades distribuídas em milhões (por ano):
      Q3 2019 - 10.5
      Q4 2019 - 11.76
      Q1 2020 - 9.5
      Q2 2020 - 9.5
      Q3 2020 - 11.5
      Q4 2020 - 11
      Média 2021 - 11.5

      O que foi diferente? Se não há stock nas lojas a apanhar pó, os preços nunca serão competitivos. Com milhões de placas a irem para mining nestes dois anos, os stocks ficaram muito reduzidos e à mercê dos "scalpers". O resultado foi evidente, subidas de preços brutais. O consumidor final sofre, mas todos os envolvidos na cadeia de venda lucram mais do que o habitual e há pouco incentivo para corrigir a situação.
      Tal como nos combustíveis, para subir é imediato, para descer é devagar devagarinho porque têm todos que mamar até não dar mais.

      Eu só sei que ando atrás de uma 3080 desde o início a 700€, que todo este tempo após o seu lançamento devia custar 600€, com artigos desde Janeiro a dizer que o mercado está a estabilizar, 4 meses de artigos destes e ainda custa a gráfica 950€ (mais de 50% do que devia nesta altura). E isto para a versão 10GB porque a de 12GB custa 1200€.

      Por favor, escrevam um artigo destes novamente apenas quando a 3080 12GB estiver a 800€ (que é caro para o fim do ciclo mas pronto :))

      Eliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar

[pub]