2022/08/07

Califórnia considera "Autopilot" da Tesla enganador

A promessa eternamente adiada do modo de condução autónomo nos Tesla enfrenta agora um duplo processo na Califórnia.

Há mais de meia década que Elon Musk tem prometido que os Tesla terão capacidade de condução autónoma total (Full Self Driving), promessa essa que apesar de "estar quase", tem falhado em chegar, ano após ano. Além do mais, é algo que mesmo na mais recente e avançada versão beta, continua a necessitar da supervisão contínua do condutor, e que agora faz a autoridade rodoviária da Califórnia pedir esclarecimentos.

A DMV está a pedir que a Tesla clarifique as reais capacidades dos seus automóveis, já que os nomes "Autopilot" e a anunciada capacidade "Full Self-Driving" dão a entender que os carros têm, ou terão, a capacidade de conduzirem sozinhos - coisa que considera ser enganadora, já que não é algo que efectivamente seja possível, nem no momento em que essas promessas foram feitas, nem sequer actualmente.
Também não ajudará que, enquanto Musk vende a ideia do modo de condução autónoma total ao público, simultaneamente tenta escapar ao escrutínio da DMV dizendo que, como não são sistemas de nível 4 ou 5, não tem que disponibilizar dados ou detalhes à DMV, equiparando-os a simples sistemas de assistência à condução como tantas outras marcas disponibilizam sem gabarolice.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]