2022/08/30

França usa Google Maps para taxar piscinas não declaradas

França está a usar um sistema de A.I. e o Google Maps para detectar piscinas não declaradas, e o sistema já rendeu 10 milhões de euros.

O Google Maps permitiu-nos ver o mundo a partir do ecrã do nosso computador, mas também permite às autoridades tributárias espreitar as propriedades dos contribuintes. Se por cá também já se recorreu ao Google Maps para pesquisar por piscinas não declaradas, em França a inovação está na utilização de um sistema de AI para detectar piscinas, que dispensa a necessidade de uma procura manual mais demorada e laboriosa.

O sistema ainda só centrou a sua atenção em 9 das 96 áreas metropolitanas francesas, mas mesmo assim já descobriu mais de 20 mil piscinas não declaradas que permitirão ir buscar cerca de 10 milhões de euros. E, na versão actual, já não sofre dos problemas de tentativas anteriores, que geravam muitos falsos positivos, identificando coisas como painéis solares como piscinas, entre outras coisas.

Por conta de coisas como estas, não se admirem se começarem a ver cada vez mais piscinas optarem por uma cor de verde-relva. Embora, o ideal, seja terem tudo devidamente legalizado e não terem que se preocupar com os olhos no céu que vêem tudo o que se passa cá em baixo.

1 comentário:

  1. Uma correção a empresa usa AI em conjunto com o Google (provavelmente usando algoritmos Google, mas as imagens são do instituto geográfico francês e não do Google maps

    ResponderEliminar

[pub]