2022/08/24

Hospital francês paralisado por ransomware

O hospital Center Hospitalier Sud Francilien em França ficou bloqueado em resultado de um ataque de ransomware, tendo que redireccionar doentes para outros hospitais.

A aparente trégua entre os grupos de ransomware e os hospitais parece ter terminado, com este ataque ao CHSF ao sul de Paris, com 1000 camas e cobrindo uma área de 600 mil pessoas. O ataque paralisou todos os sistemas informáticos, impedindo a admissão de novos pacientes e levando ao adiamento de consultas e operações agendadas. No caso de emergências, os casos estão a ser avaliados "à moda antiga", mas com os doentes a serem redireccionados para outros hospitais no caso de ser necessário recorrer a equipamento tecnológico.

O grupo atacante ainda não se revelou, havendo algumas suspeitas de que possa ser o LockBit 3.0, mas é pedido um resgate de 10 milhões de dólares pela chave de descodificação dos ficheiros.

Os grupos de ransomware evitaram atacar hospitais durante a fase de confinamento da pandemia Covid-19, e também como forma de evitarem atrair (ainda mais) as atenções das autoridades; mas com alguns dos grupos mais mediáticos a terem saído de cena e preferindo desfrutar dos milhões já acumulados, têm entrado em cena novos grupos que parecem não ter receio de se posicionarem no centro das atenções das autoridades. Agora, o que importa é que o hospital consiga regressar à normalidade para servir os utentes e pacientes o mais rapidamente possível; e nada havendo a fazer quanto à possibilidade dos dados médicos confidenciais de milhões de franceses se juntarem ao lote de informação roubada que ficará disponível para compra na internet.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]