2023/01/08

Como memorizar uma sequência de 52 cartas

Memorizar a sequência de cores (pretas / vermelhas) de 52 cartas parece algo impossível, mas há técnicas que facilitam a tarefa.

O cérebro humano tem capacidades incríveis, e há pessoas que parecem ter super-poderes no que diz respeito à capacidade de memorização. Invariavelmente, tudo se resume à utilização de diferentes técnicas e de muito treino, e no caso que se segue, temos uma curiosa técnica que consiste em combinar grupos de 6 cartas de informação binária numa designação decimal.

Com este processo, a aparentemente impossível tarefa de relembrar uma sequência de 52 cartas torna-se em algo mais fácil, de "apenas" oito blocos de números com quatro cartas finais adicionais, que pode ser revertido para a sequência original.
É uma técnica curiosa (nunca tinha ouvido de uma técnica de memorização que aproveitasse a codificação binária para decimal), mas que pode ser considerada apenas a ponta do iceberg das técnicas de memorização. Para referência, o recorde de memorização de uma sequência binária num minuto é de 270 dígitos, e quem tenha recitado 100 mil dígitos de Pi (sem limite de tempo para a sua memorização). Pelo que, como se pode ver, os limites da capacidade de memorização vão muito para além do que parece ser "possível".



Uma técnica simples que ajuda a memória, e que pode ser aplicada às crianças logo desde tenra idade, é a de simplesmente lhes perguntar como foi o seu dia, pedindo que descrevam com o máximo de detalhe possível: o que aprenderam de manhã, o que fizeram no recreio, que comida comeram, o que aprenderam de tarde, etc. Invariavelmente, muitas delas começam por ter dificuldade para até se lembrarem do que comeram, mas passadas algumas semanas a seguirem esta rotina, começarão a conseguir descrever o seu dia com muito mais detalhes.

1 comentário:

[pub]