2016/04/04

NOS baixa tarifa de roaming na Europa


Depois da Vodafone anunciar o fim das taxas de roaming na Europa é a vez da NOS mexer também nestas tarifas e baixando o custo de 23 para 6 cêntimos por minuto nas chamadas de voz, e também nos megabytes de dados.

Já sabemos que os nossos operadores são peritos em nos oferecer aquilo que não queremos e, neste caso, anunciarem mudanças que apenas espelham a obrigatoriedade da abolição das tarifas de roaming que já foi delineada pela União Europeia. Mas, enquanto a abolição não chega, os consumidores têm que pagar as contas, e por isso agradece-se toda e qualquer redução nesses valores.

No caso da NOS, as novas tarifas de roaming para a Europa consistem em chamadas telefónicas a 6 cêntimos por minuto; 1,4 cêntimos por minuto recebido: 2,5 cêntimos por SMS enviada; e 6 cêntimos por MB nos dados móveis. É uma redução de 75% face aos preços anteriores praticados para as chamadas de voz e acesso à internet.

Paralelamente à redução das tarifas de roaming na União Europeia, a NOS lança novos pacotes convergentes (Quatro, Quatro Plus, Quatro 3GB e Cinco) para os clientes que necessitam de uma utilização em roaming ainda mais despreocupada; e que incluem 200 minutos, 200 SMS e 200MB por mês em roaming, para utilizar durante 15 dias por ano. (Na prática, os mesmos limites que a Vodafone já tinha imposto nos seus tarifários, na parte dos "asteriscos".)

Enquanto a abolição do roaming não chega... temos que ir lidando com o que temos.

3 comentários:

  1. A vantagem em relação à Vodafone sobra para o facto dos tarifários pré-pagos e "não incluídos em pacote" também poderem beneficiar desde já de uma pequena redução no custo Roaming...

    Realmente gostam de nos "comer de cebolada", mas é sempre benéfico (em Portugal) ver este ou aquele operador mexer-se, nem que seja a cavalo do mercado e raramente por iniciativa própria.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas para um mexer, é porque o outro tem iniciativa própria e fez algo. Certo? Neste caso, a Vodafone apresentou uma proposta ao cliente e a NOS fez a contraproposta, ou seja a VDF tem iniciativa própria e a NOS contraatacou como pôde.

      Eliminar
    2. Exato... mas eu referia-me ao facto dos operadores se mexerem apenas na eminência de serem abolidas as taxas de roaming. Existem operadores na Europa com serviços mais baratos que já incluem roaming gratuito há bastante tempo (1-2 anos).

      A respeito da Vodafone ser a pioneira, sem dúvida, mas (apesar de ser o meu operador de eleição) não gostei da forma como anunciaram o "fim das taxas de roaming na Vodafone", quando não é de todo verdade.

      Eliminar

[pub]