2016/09/21

iPhone 7 custa $225 em peças e montagem


Sempre que sai um smartphone há analistas que se apressam a fazer contas aos custos de produção para estimarem as margens das empresas, e no caso do iPhone 7 descobrimos que a Apple está a ganhar menos dinheiro com os iPhone 7.

Estima-se que o iPhone 7 custa $224.80 à Apple, em componentes e montagem, o que representa um valor 18% superior face ao iPhone 6S. Considerando que a Apple não mexeu nos preços de venda ao público (nos EUA), isto significa que a Apple está a ganhar menos em cada iPhone vendido; embora a sua margem de lucro seja ainda bastante superior às dos seus concorrentes (o Galaxy S7 custa $265 a ser produzido).

A utilização de melhor hardware, protecção contra a água, um novo ecrã LCD que passou a ser a referência do segmento, e a duplicação da memória flash (especialmente nos modelos de 128 e 256GB) são coisas que se fazem ressentir na factura final. Mas o facto da Apple não ter mexido nos preços de venda ao público demonstra também que a empresa está consciente que não pode ir mantendo as suas margens... e para todos os efeitos isto é o equivalente a ter dado um desconto de 18% aos clientes.

... Esperemos é que este manutenção dos preços este ano não seja apenas para justificar novo aumento no iPhone do próximo ano, que certamente será o mais aguardado de sempre após o iPhone original, apresentado 10 anos antes.

3 comentários:

  1. Deveriam ter suprimido mais componentes para além da ficha dos auriculares...

    ResponderEliminar
  2. Atenção que um aumento de 18% do custo de produção não equivale a um desconto de 18% no preço final para os clientes... :)

    ResponderEliminar

[pub]