2016/09/01

Snapdragon 821 promete melhorias de 10%


O problema da rápida evolução que se assistiu nos chips destinados aos smartphones e tablets é que, depois do aumento brutal de desempenho que se teve nos últimos anos, se chega ao ponto em que essas melhorias são cada vez mais reduzidas, como demonstra o novo Snapdragon 821.

Não se pense que o Snapdragon 821 é um mau chip, muito pelo contrário. Como a sua designação imediatamente revela, é um chip que pega num dos melhores e mais rápidos SoC do mercado (o Snapdragon 820) e consegue melhorá-lo ainda mais. Mas por outro lado, não deixa de ser curioso que em vez de referir melhoramentos técnicos, a Qualcomm refira aspectos que mais estariam associados ao sistema operativos utilizado, como "boot mais rápido", "scrolling mais fluido no browsing" e "carregamento mais rápido de apps".


São aspectos válidos e que permitem uma fácil quantificação do tipo de melhoria que os utilizadores podem esperar... mas que não deixam de ser um pouco ridículos, quando esses aspectos dependem de muito mais que apenas o CPU. Muito mais sentido faz dizer que a velocidade do CPU e GPU foram melhoradas em até 10% e 5%, e que o consumo foi reduzido em 5%.

Mas pronto, esperamos para ver este Snapdragon 821 fazer "milagres" na fluidez do scrolling nos browsers; sendo que o primeiro smartphone a utilizá-lo é o ZenFone 3 Deluxe da Asus (mas esperando-se que também venha a ser utilizado nos próximos smartphones da Google que deveremos ficar a conhecer ainda durante este mês - mesmo que deixem de ser Nexus.)

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]