2016/12/07

Galaxy S8 também vai abandonar a ficha dos headphones


Depois da Apple ter dito que abandonar a ficha de 3.5mm dos headphones era um acto de coragem, parece que também a Samsung ganha a mesma coragem e segue o mesmo caminho com o seu futuro Galaxy S8.

A Samsung ainda está em processo de rescaldo do cancelamento do Note 7 - faltando ainda um esclarecimento cabal sobre o que realmente levou à explosão dos smartphones - e por isso o próximo Galaxy S8 terá uma importância crítica para marcar o virar de página e entrar numa nova fase. Só que será uma fase em que também se dirá adeus à ficha dos headphones, pois tudo indica que também a Samsung vai abandonar a ficha de 3.5mm no seu próximo topo de gama.

Restará aos utilizadores mentalizarem-se para a utilização de headsets bluetooth (e esperar que os bugs que normalmente os acompanham não sejam demasiado intrusivos), ou recorrer a adaptadores para ligar os seus headphones actuais via ficha USB Type-C, ou considerar a compra de headphones com ficha USB Type-C que certamente deverão começar a invadir o mercado em breve.

Infelizmente, isto faz também com que comece a ser muito mais complicado usar os mesmos smartphones tanto com smartphones Andoid como com iPhones... coisa que no "antigamente" era algo perfeitamente banal e em que nem sequer se pensava.

22 comentários:

  1. Santa estupidez. Se isto se confirma para mim só vem dar força ás teorias de conspiração que é algo que está a ser forçado por organizações de direitos de autor para acabar com o analógico nos smartphones para fortalecer DRM.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O iPhone 7 vem na caixa um adaptador para jack 3.5mm, tens aí a tua saída analógica para poderes piratear as músicas todas, mas é claro... teóricos da conspiração.

      Eliminar
  2. Um tiro no pé para a Samsung!

    A Apple tem os headphones prontos, e os AirPods prestes a sair. A Samsung, não estou a ver a criar uma coisa do género, com 5 horas de autonomia + caixa para 24 horas, o pairing, etc...

    Além disso, desde 2012 que todos os iPhones e iPads vêm com porta lightning, e o iOS tem capacidade de usar a porta lightning com headphones de qualidade audiófila (saída digital não comprimida directamente do OS), assim como uma enorme variedade de microfones de qualidade.

    Já no Android, muitos têm USB-C, mas a maioria da pessoas ainda têm telemóveis e tablets micro-USB + 3.5mm.

    Mas é claro, têm de copiar a Apple/LeEco/Lenovo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lol. A apple faz e é uma genialidade. Os outros fazem é um tiro no pé/não vai ficar bom/é uma cópia.

      E qualidade audiófila não se consegue em dispositivos deste género, nem dependem propriamente do sistema operativo utilizado...

      Eliminar
    2. https://www.youtube.com/watch?v=yU4CPn7pJk4

      Eliminar
    3. https://www.amazon.com/Samsung-Cordfree-Fitness-Activity-Warranty/dp/B01F8FWSGA

      Eliminar
    4. @Carlos Miguel. Mas tem 5 horas de autonomia, e caixa que carrega ocm 24 horas?

      Eliminar
    5. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
    6. mas vais ficar mais de 4 horas a ouvir musica?

      Eliminar
    7. eu ouço o dia todo no trabalho...

      Eliminar
    8. Eu também oiço música praticamente o dia todo no trabalho, não percebo o LOL. Há profissões onde é possível de ser feito ;)

      Eliminar
    9. n percebem onde quero chegar. deixa pra la

      Eliminar
  3. @João Paulo. LOL, a Apple não foi criticada por cortar o jack? E em especial pela Samsung (mesmo antes de sair o iPhone 7!)?

    Qualidade audiófila consegue-se sim com dispositivos "deste género", a Apple tem saída 24 bits 192KHz.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Continua a não ser uma coisa boa a meu ver. Vindo de quem vier, seja de que marca for. Talvez mais tarde venha a aceitar a remoção do jack como algo positivo. Neste momento não consigo.

      Qualidade audiófila consegue-se com vinil de boa qualidade, um bom prato, uma boa agulha, um bom amplificador e umas boas colunas - e uns bons milhares investidos. Quanto muito consegue-se boa qualidade, mas nunca audiófila! Não são coisas comparáveis.

      Eliminar
    2. "Qualidade audiófila consegue-se com vinil de boa qualidade, um bom prato, uma boa agulha, um bom amplificador e umas boas colunas - e uns bons milhares investidos. Quanto muito consegue-se boa qualidade, mas nunca audiófila! Não são coisas comparáveis."

      Triste no século XXI haver gente mesmo a acreditar nisto... como aqueles que acreditam que a terra é plana e que a rainha de inglaterra é um réptil.

      A remoção do jack não é positivo, mas não é preciso ser, é um bom trade-off em termos de engenharia. Por exemplo, a Apple tirou-o, e no mesmo espaço do iPhone 6/6s, mas exactamente nesse espaço, poderiam meter uma câmera maior, uma bateria maior, colunas stereo, um Taptic Engine maior, um altímetro funcional mesmo sendo um telemóvel à prova de água.

      Eliminar
    3. Podes ter o melhor telemóvel da história e os phones melhores e mais caros de sempre, com a melhor fixa de ligação. O que vais ouvir no telemóvel? Não vais ouvir formatos que não tenham sofrido uma compressão.

      De que serve um carro com pneus próprios para velocidades acima dos 300km/h, se o carro não passa dos 100?

      Relativamente a acreditar no que disse, é um facto. Há que saber os factos e não ser um imbecil que remete para argumentos infantis. Claramente não sabes o que se entende por "audiófilo" nem conheces o termo alta fidelidade. O iphone até podia ter uma saída XLR que nunca seria comparável.

      Interessante seria não existir aquele "caneta bump" e terem aumentado a capacidade da bateria, em detrimento de escassos milímetros de espessura. E não estou aqui a defender ou denegrir marcas, estou a ser objectivo.

      Eliminar
    4. Calminha que não sabes com quem estás a falar.

      " O que vais ouvir no telemóvel? Não vais ouvir formatos que não tenham sofrido uma compressão."

      Errado.

      iPhone ou Android, podem reproduzir ALAC e FLAC. Não tem compressão nenhuma.

      Mas é claro, duvido muito que saibas o que significa "compressão" e os três significados que pode ter.

      "De que serve um carro com pneus próprios para velocidades acima dos 300km/h, se o carro não passa dos 100?"

      Fala em Português e não em metáforas.

      "Relativamente a acreditar no que disse, é um facto. Há que saber os factos e não ser um imbecil que remete para argumentos infantis."

      Tu realmente deves saber muito de factos.

      "Claramente não sabes o que se entende por "audiófilo" nem conheces o termo alta fidelidade. "

      Aqueles idiotas que pagam milhares de euros por porcaria que não tem jeito nenhum, e ai de quem diga mal?

      Eu não sou audiófilo, sou engenheiro electrotécnico.

      "O iphone até podia ter uma saída XLR que nunca seria comparável."
      Saída XLR é inferior a uma saída digital

      "Interessante seria não existir aquele "caneta bump" e terem aumentado a capacidade da bateria, em detrimento de escassos milímetros de espessura. E não estou aqui a defender ou denegrir marcas, estou a ser objectivo."

      Manda o currículo para todas as grandes marcas: Apple, LG, Samsung, etc. fazem todas o mesmo.

      E se o telemóvel fosse mais grosso, dizias antes "era melhor ter uma câmera melhor, mesmo que tivesse uma saliência na zona da câmera", era isso que diziam com o iPhone 5/5s.

      Eliminar
  4. Deviam levar com um processo em cima por violação da patente "REMOVER O JACK AUDIO" da Apple...

    ResponderEliminar
  5. Que parvoice pegada... Os dois gigantes ainda vão fazer com que esta ideia infeliz pegue! Espero bem que isto não vá para a frente, porque é mesmo muito mau se perdermos a única ficha que é simples, barata e eficaz! E um dos maiores standards da música/informática!

    ResponderEliminar

[pub]