2016/12/05

Uber para iOS quer saber a localização dos utilizadores mesmo após fecharem a app


Se não gostam de ver apps tomarem demasiadas liberdades com o que fazem, não vão gostar da mais recente actualização feita à app da Uber, que passa a exigir o acesso à localização mesmo quando os utilizadores não estão a usar a app.

Com a última actualização a app pede aos utilizadores que permitam o acesso à localização de forma contínua, explicando que só irá recolher dados durante 5 minutos após o fim de uma viagem e com o propósito de "melhorar o serviço e a segurança"; mas o que fica por explicar é porque motivo tiram essa decisão das mãos dos utilizadores.

É certo que os utilizadores podem recusar o acesso à localização, mas nesse caso ficam obrigados a introduzir manualmente o endereço para o pedido do veículo; ou fazerem a ginástica de andar continuamente a dar acesso à localização quando querem usar a app e desligarem o acesso à localização quando chegarem ao destino - o que não será propriamente o tipo de coisa que se deverá considerar aceitável numa era em que queremos que os smartphones nos simplifiquem a vida e não o contrário.

Ainda por cima, esta é uma decisão unilateral claramente abusiva, pois no iOS temos três modalidades de acesso à localização: não permitir o acesso; permitir sempre o acesso mesmo quando não estamos a usar a app; ou permitir o acesso à localização apenas quando se está a usar a app. A Uber (e muitas mais apps) deveriam limitar-se por usar este último tipo de acesso, que garante que esses dados só são acedidos enquanto estamos a correr a app. À custa da falta desta modalidade, já cortei o acesso a muitas apps que abusivamente queriam acesso permanente à localização... e confesso que fico seriamente na dúvida sobre se no caso da Uber não deveria proceder da mesma forma.

2 comentários:

[pub]