2017/09/10

iPhone "8" vai ser o iPhone X


Estamos a poucos dias da apresentação dos novos iPhones, e as últimas descobertas apontam para que o esperado iPhone "8" vá ser afinal chamado de iPhone X, sendo acompanhado de um iPhone 8 e 8 Plus a substituir os actuais modelos 7 e 7 Plus.

As designações foram descobertas numa das mais recentes versões do iOS 11, que confirmam os rumores que já em tempos apontavam para que o novo iPhone fosse o iPhone X (que também servirá de alusão perfeita ao seu estatuto de ser um iPhone que marca o 10º aniversário deste equipamento). Mais inesperado é o facto da Apple optar por saltar os esperados "7S", optando por chamar as versões actualizadas dos mesmos de iPhone 8 e 8 Plus - inesperado mas não completamente... pois já tínhamos referido que a Apple não gostaria de ficar com a numeração dos iPhones "atrás" dos Galaxy S da Samsung, pois seria mais complicado explicar aos consumidores como um iPhone 7S era mais recente que um Galaxy S8... Assim fica reposta a igualdade... até para o ano (altura em que talvez a Apple abandone os números e passe a ter apenas um iPhone, iPhone Plus e iPhone Pro).


Mas há mais novidades... embora possam ser consideraras cosméticas. Depois da aposta nos emoji vamos ter os Animoji, emoji animados que seguramente irão fazer as plataformas concorrentes apressarem-se a arranjar algo idêntico.

A maior novidade é que estes emoji aparentemente não terão expressões pré-definidas, replicando aquelas que forem feitas pelo utilizador... Uma funcionalidade que será certamente disponibilizada pelo sistema de reconhecimento facial, que também fica confirmado por uma imagem que parece fazer parte do processo de explicação inicial desta funcionalidade.


A imagem parece demonstrar que o iPhone X irá pedir ao utilizador para mover o iPhone (ou rosto) durante o processo, faltando saber se isso será pedido apenas para o processo de registo do rosto, ou para todas as vezes em que seja necessário validar a identidade (o que me parece demasiado intrusivo). De qualquer maneira, seria uma forma de captar informação 3D sobre o rosto, para combater as tentativas de enganar o sistema com uma foto.

Também há referências de que o ecrã OLED será True Tone, como utilizado nos iPad Pro, com a tonalidade do ecrã a ajustar-se às condições de luminosidade; que teremos um Apple Watch LTE que partilhará o mesmo número do iPhone; que o power button lateral (que cresce de tamanho) terá funcionalidades acrescidas em substituição da ausência do home button, como ser usado para activar a Siri; e gravação de vídeo Full HD a 240fps e 4K a 60fps.

... Saberemos já na próxima terça-feira, dia 12 de Setembro... mas o que toda a gente estará à espera é de ficar a saber o preço! Seria uma boa altura para a Apple repetir o que Steve Jobs fez na apresentação do iPad, ao começar por anunciar um preço de $999... para de seguida o corrigir para $499 (para alívio de todos)! ;P


Actualização: já é oficial, temos iPhone X e começa nos 1179 euros.

1 comentário:

  1. "Mais inesperado é o facto da Apple optar por saltar os esperados "7s", optando por chamar as versões actualizadas dos mesmos de iPhone 8 e 8 Plus" - para não ficar atrás da Samsung?!

    É mas é para aproveitar o "vipe" do 8. "Estão à espera do iPhone 8 - aqui está" :)
    "O X (10) é a 1000 dólares (sem impostos). Acha caro? Mas tem aqui o iPhone 8 a bom preço, a 650 dólares (ou 32 dólares/mês)".

    A Apple tem que promover o 8, se calhar até ganha mais do que com o X. Nesta altura do campeonato chamar-lhe 7s ficava mais apagado, tipo série SE (um modelo do ano anterior com poucas novidades e preço mais económico).

    ResponderEliminar

[pub]