2017/11/20

iMac Pro virá com coprocessador A10 Fusion


Há muito que se fala da possibilidade da Apple apostar nos seus próprios CPUs para os Macs, tal como tem feito nos iPhones e iPads, e no novo iMac Pro dá mais um passo nesse sentido.

Referências no código fonte do BridgeOS 2.0 dão a entender que o futuro iMac Pro também irá contar com um CPU A10 Fusion como o que a Apple utiliza nos iPhones 7 e 7 Plus. Ou seja, abre-se todo um novo mundo de possibilidades (tecnicamente até seria possível ter este iMac a correr apps iOS) embora, por agora, pareça que o objectivo será apenas dar a este computador a capacidade de aceder à Siri a qualquer momento, mesmo quando se tem o computador "desligado".

Seguramente a Apple terá ambições bem mais vastas que apenas isso, pois seria um desperdício ter um chip destes apenas para fazer essa função. Mas, considerando toda a complexidade de integração dos dois sistemas, é algo que também não deverá ser feito "de um dia para o outro", e daí ser bem mais lógico uma abordagem passo a passo, começando por algumas funcionalidades... e depois ir crescendo ao longo do tempo.

... Tecnicamente este não é o primeiro chip ARM num Mac, pois a Apple já tinha utilizado um para controlar a TouchBar nos MacBook Pro, mas é a primeira vez que é utilizado um chip "de topo". Aliás, dá-se até o caso curioso de que este A10 é o chip responsável por fazer boot do sistema e activar o CPU x86 da Intel, pelo que, tecnicamente, se pode considerar que o CPU da Intel é que é o "co-processador" e este A10 é o CPU principal do iMac Pro.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]