2012/07/06

Archos Carbon - Tablet Android de 9.7" a $249


Embora ainda não seja reconhecida como sendo uma das marcas "habituais", a verdade é que a Archos já anda no mercado há bastante tempo, e tem conseguido trazer-nos produtos bem interessantes. E com este novo Archos 97 Carbon, fico com a impressão que irá começar a ter maior visibilidade por parte dos consumidores.

Já todos sabíamos que o lançamento do Nexus 7 a $199 iria ter impacto no mercado; mas se pensavam que isso se ia limitar aos tablets de menores dimensões, aqui está a prova do contrário. Este tablet tem um LCD de 9.7" de 1024x768 (ou seja: ao estilo iPad), com um CPU de 1Ghz (pode ser melhor, é certo), 1GB de Ram, e - ao contrário do que acontece com o Nexus 7, tem camara traseira (para além da frontal), e slot microSD para expansão dos seus 16GB.

Mas o melhor de tudo é mesmo o preço, que se fica por uns interessantes $249 - precisamente o mesmo que um Nexus 7 com 16GB.

A famíla Carbon irá ser futuramente expandida com modelos de 7 e 8 polegadas - e embora não possa competir directamente com o CPU quad-core do Nexus 7, nem com os updates oficiais do Google, não deixará de ser uma opção a ter em conta para quem procurar um tablet com a "dimensão" adequada.

11 comentários:

  1. Eu tenho um Archos 101 G9 e sobre os updates não me posso queixar, tenho o ICS desde Março e nunca param de fazer atualizações. Além disso paguei €260 o ano passado o que me não me parece mau.

    ResponderEliminar
  2. Viva

    Há muito que existem "ardósias" baratas de 5, 7, 8, 9 e 10 polegadas.
    Só o facto de serem marcas menos conhecidas (chinesas incluídas)é que lhe retiram o brilho da ribalta...

    O meu Ainol Novo7Aurora -7pol- (googlem para ver a máquina que é), custou-me 145€ em Abril/Maio.
    Já veio com o ICS e faz o que quero.
    Se gostava de ter um mais "potente" de uma marca mais IN, gostava, e depois, além dos €€€ pagos a mais, fazia o quê de diferente nele, inveja aos amigos?

    (A Archos deu uns tiros nos pés, inicialmente com os seus web-media-players, mas aprendeu com o tempo).

    ResponderEliminar
  3. Só falta mesmo é saber especificamente qual o cpu, porque tab's destes já há às carradas ao mesmo preço.

    ResponderEliminar
  4. Para quem não conhece a Archos é o que se pode chamar de "fabricante bem jeitoso".
    Possuiu um grande comunidade, e pelo que conheço os updates do fabricante saem relativamente rápido.

    Mas fugindo um pouco a este tema, apesar da relação qualidade/preço/desempenho de quase todos os Archos, tenham em atenção que a maio parte não vem com Google Play (Market) oficial (o que não é o caso deste).

    Antes de comprarem e para não ficarem com surpresas aquando da sua primeira utilização:
    http://support.google.com/googleplay/bin/answer.py?hl=en&answer=1727131

    ResponderEliminar
  5. Ardósia lindo, acho que devíamos começar a moda de chamar aos tablets de "Erdósia".

    ResponderEliminar
  6. Ja parece uma copia do BQ tesla recentemente lançado!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo6/7/12 18:52

      A BQ é uma boa marca: já vivi em Espanha e tive um BQ há uns 2 anos, a assistência da marca é muito boa (super rápidos a responder a mails, e a lançar ROMs). Acho é que a área de actuação deles (média-baixa gama) entra em conflito com as marcas 100% chinesas e com o novo Google Nexus 7, não conseguindo agora ter manobra. Os chineses têm HW/SW idêntico por menos 50-75€ (nesta gama é muito), a Google/Asus tem muito mais pelo mesmo valor. Que fazer? Ou melhoram o HW para o mesmo preço, ou baixam o preço...

      Eliminar
  7. Anónimo6/7/12 18:48

    Creio que a Archos (Francesa creio) e a BQ (Espanhola) andam a dar tiros nos pés a toda a força: a Google providencia um ASUS com um ecrã de DPI alto + Android 4.1 (+ futuros updates) + 1Gb RAM associado a um TEGRA 3 (4 Cortex A9 + GPU avançado de 12-core) por 200-250€ e estas marcas querem competir com ecras de baixo DPI + processadores de há 2 anos + GPUs antiquados. A mais valia destas marcas é a saída HDMI (se se provar que nem com mods de SW temos MHL), porque de resto perdem em tudo. Daí que pergunto se estas marcas não deveriam actualizar o seu "stock" com produtos competitivos (Dual-Core actuais + ecrãs 1280x800 + Android 4.1 + 16Gb + leitura MKV 1080p com som) a um preço inferior a 200€. Eu se não tivesse o iPad 3 por 200-250€ nem pensava 2x, ia para um Google Nexus 7 de 16Gb. Saída HDMI num tablet quase ninguém usa, tem mais qualidade comprar um Media Player de 60-80€, estilo O!Play R3 com WIFI.

    ResponderEliminar
  8. Bem eu comprei o meu archos g9 80, já vinha com dual core a 1.0ghz, 8gb de memória interna e com slot sd. Só a ram 512 e que acho pouco. Updates muito rápidos com ics desse março. Comunidade grande com várias possibilidades de mod. A marca e francesa e pro modding pelo que tenho visto, disponibilizando várias ferramentas para o efeito. Na altura veio por 220€, isto em janeiro. Trazia o google play de origem, e tudo o que se espera de um android normal mais umas poucas apps deles. Até agora estou contente, uma bateria muito aceitável, consigo ver vídeo durante várias horas (6 pelo menos). Então para navegação e pdf dura dias! A qualidade de construção podia ser melhor mas esta dentro do aceitável, não sendo muito pesado.
    Fica a minha experiência. Pessoalmente a única vantagem do nexus seriam os updates, mas com a rapidez que trabalham nisso a diferença será de poucas semanas em relação ao nexus. Por isso vejo muitas vantagens nesta marca.
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo6/7/12 22:21

      Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar

[pub]