2014/01/02

Priberam revela palavras mais pesquisadas em 2013 em Portugal e no Brasil


A Priberam já revelou quais foram as palavras mais pesquisadas no seu dicionário online, não só em Portugal como também nos mais diversos países de todo o mundo; assim como os erros mais comuns e até as asneiradas mais utilizadas.


 Em Portugal, o top 10 foi liderado pela palavra "poder", enquanto no Brasil a palavra mais pesquisada foi "atemporal". Mas ficamos a saber que em Marrocos estão interessados em "abelhudos", na Eslovénia estão preocupados com a "prepotência", nos EUA estão cheios de "pujança", na Venezuela não faltam "dívidas", nas Filipinas o "bacoco" está na ordem do dia e - talvez o mais estranho de todos - na Tailância a palavra vencedora foi... "bunda-mole"!

Quanto aos erros mais pesquisados, a lista não deixa de fora o "concerteza", "compania", "excessão" (?), "disfrutar" (ok, este confesso que também errei por muitos e longos anos), "apartir", "extender", e "mecher".

Nos palavrões, a lista não deixa de fora as habituais e literais "put@s e c@r@lhadas" (os portugueses são mesmo muito previsíveis - embora me pareça que a palavra na segunda posição nem sequer devesse ser considerada nesta lista...

Outras das palavras que ocuparam os portugueses ao longo do anos revelam-se bastante mais incomuns: senisga, furdunço, eutimia, isonomia, e torvo foram as palavras mais consultadas nalguns dias deste ano... e demonstram bem que a língua portuguesa não tem falta de palavras capazes de nos surpreender.


Top 10 das palavras mais pesquisadas em 2013 em Portugal:

  1. Poder
  2. Ser
  3. Resiliência
  4. Connosco
  5. Ver
  6. Paradigma
  7. Ter
  8. Haver
  9. Pragmático
  10. Carácter


Top 10 das palavras mais pesquisadas em 2013 no Brasil:

  1. Atemporal
  2. Definir
  3. Amor
  4. Afinco
  5. Paradigma
  6. Poder
  7. Iminente
  8. Exceção
  9. Hipocrisia
  10. Ratificar

2 comentários:

  1. Se fosse agora o acordo ortográfico era fortemente contestado, pelo menos por mim. Ainda não me consegui habituar aos erros que passei a escrever por causa do acordo ortográfico. A dupla grafia ainda me lixa mais a paciência - outro dia ninguém sabia se se escrevia sector ou setor, foi-se a ver e pode ser das duas maneira - mas que m*rda é esta ?!

    ResponderEliminar
  2. acordo? qual acordo? (para mim é mais aborto ortográfico) acordo unilateral, uma vez que mais nenhum País o adoptou...

    ResponderEliminar

[pub]