2014/06/10

Milhões de Televisores em risco de serem infectados via canais digitais


Que as Smart TVs ligadas à internet são (ou poderão vir a ser) um alvo preferencial para hackers, isso já todos sabemos, mas agora um grupo de investigadores demonstrou que é também relativamente fácil infectar televisores que não estejam sequer ligados à internet usando as funcionalidades dos canais digitais.

Embora por cá a TDT tenha sido - e continue a ser - uma autêntica vergonha, há países onde a transição para o digital funcionou da forma que todos esperariam, abrindo espaço para dezenas de novos canais, e que disponibilizam todas as funcionalidades extra proporcionadas por esta tecnologia. No entanto, a facilidades do sistema de televisão interactiva HbbTV bastante popular em países como a Alemanha vem acompanhada de vulnerabilidades que abrem as portas a que atacantes "infectem" estes televisores.

O problema é que o sistema assume que apps fornecidas através dos canais digitais sejam implicitamente seguras, não sendo feita qualquer validação. Isto faz com que um hacker com um pequeno transmissor se possa fazer passar por um canal digital popular, enviando uma app maliciosa que será executada pela Smart TV. Um caso que se tornará extremamente perigoso se se tratar de uma Smart TV ligada à internet e rede caseira, actuando tal e qual um qualquer malware que seja instalado num PC (podendo apanhar as vossas passwords, etc.)

... Parece que aqueles que se quiserem proteger do malware nos PCs optando por ver programas nos seus televisores terão que reconsiderar se não será melhor voltarem a optar pelas transmissões via Internet.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]