2015/07/29

Windows 10 fica hoje disponível (gratuito para quem tiver Windows 7 ou 8)


Depois de muitos meses de testes, chega finalmente a data em que o Windows 10 passa a estar disponível oficialmente, em 190 países, e como actualização gratuita para quem tiver computadores com Windows 7 e Windows 8 genuínos.


O Windows 10 que hoje tem lançamento mundial é o maior e mais importante Windows de sempre, embora possa também ser considerado "aquilo que o Windows 8 deveria ter sido de origem". Uma tradição que acaba por já ser conhecida dos utilizadores Windows de longa data, habituados à tradicional sucessão de versões de Windows boas e menos-boas; mas que desta vez poderá significar também um ponto de ruptura, uma vez que este poderá ser o último Windows a ter honras de lançamento, e a dar origem a um novo sistema de actualizações e melhoramentos contínuos, que irá fazendo evoluir o sistema de forma progressiva.

Para clarificar a situação de quem tem direito ou não ao Windows 10 gratuitamente, a Microsoft esclarece:
O upgrade gratuito é válido para dispositivos compatíveis, com Windows 7, 8 e 8.1, para as versões Home e Pro. Pode ser feito durante os próximos 12 meses, até dia 29 de julho de 2016, e uma vez instalado, é gratuito durante o tempo de vida do dispositivo. Assim, este sistema operativo instalado gratuitamente não passará a ser pago no futuro. O modelo a aplicar depois de dia 29 de julho de 2016 ainda não é conhecido.

O Windows 10 pretende capitalizar o facto de ser uma plataforma universal que fica disponível desde dispositivos embedded (incluindo o Raspberry Pi) a PCs, smartphones, televisores, e até dispositivos como o HoloLens. Entre os pontos de destaque temos coisas com a Cortana (com a MS a prometer suporte para Português europeu no futuro), o novo browser Microsoft Edge, integração com a Xbox, o Continuum , o Microsoft Phone Companion (permite aos iPhones, telefones Android ou Windows trabalhar sem problemas com dispositivos com o Windows 10), etc. Muitos argumentos a favor... mas que por enquanto também implicam aturar alguns bugs/limitações que deverão ser resolvidos ao longo dos próximos meses.


O facto da actualização ser gratuita deverá garantir à MS um número de instalações que permitirá anunciar o lançamento do Windows 10 como o mais bem sucedido de sempre, mas é pena que a MS não tenha aproveitado a oportunidade para disponibilizar o Windows 10 Home a um preço "simbólico" que erradicasse por completo a pirataria. De qualquer forma, a nossa recomendação mantém-se: se querem utilizar o Windows 10 e não têm direito a actualização gratuita, a solução será comprá-lo (ficará disponível a partir de 20 de Agosto).

... Caso não queiram pagar por ele, então não faltam alternativas gratuitas à disposição, como o Ubuntu, Mint, e tantas outras distros Linux.

6 comentários:

  1. Ouvi falar que é só para quem tem 8.1 e não 8. Ao que parece quem tem 8, deve actualizar para 8.1 e depois para o 10.

    ResponderEliminar
  2. E perde-se todos os programas extra instalados no pc e conteudo das pastas ao atualizar ?

    ResponderEliminar
  3. Uma atualização não é o mesmo que uma formatação! e ao atualizar logicamente que não iras perder pastas nem nada! então como foi com o Windows 8 para o 8.1 que foi também uma atualização e não se perdeu nada!

    Outra questão tenho o Windows 7 ultimate e não me aparece como noutro portátil que tenho a pré-reserva do Windows 10.
    Por isso vou esperar mais tempo mas penso que não deve aparecer nada no Windows 7, penso que terei de instalar de raiz o novo Windows 10

    ResponderEliminar
  4. Para quando uma review completa ao windows 10 Carlos? Não tenho nada contra o sistema, mas vou precisar de uma review para me decidir.
    Sou um ser estranho e tenho necessidades específicas. Tenho que sentir que vou para melhor para fazer o upgrade.
    Até agora só li coisas como:
    Cortana - não temos e não me vejo a estar na cadeira a falar com o pc. Os meus dedos são tão rápidos como.
    Edge - melhor ou igual ao chrome? Se calhar não justifica mudar.
    Start menu - não sou fã dos tiles, nada me trazem de extra no pc desktop. Bastam-me uns ícones pequenos para abrir programas.
    Desktop virtuais - cheguei a usar programas de terceiros para isto mas desde q fiz o upgrade para 3 monitores (o melhor upgrade q já fiz juntamente com o SSD) deixei de sentir necessidade.
    Sincronização com tablets e telemóveis - não uso tablet e no tele tenho android.

    Enfim, ainda tenho que analisar a mudança mais ao pormenor.

    ResponderEliminar
  5. para mim é uma desilusão, sistema super restrito e confuso

    ResponderEliminar
  6. até a pu*a da calculadora vem em versão APP, e só depois de retirar todas as apps é que vi que fiquei sem calculadora...

    ResponderEliminar

[pub]