2015/08/11

Spotify forçado a piorar modalidade gratuita para incentivar subscrição paga


O Spotify é um serviço que tem estado sob enorme pressão por parte das editoras, e parece que em breve terá que ceder e tornar o seu serviço gratuito menos apetecível como forma de incentivar a adesão ao serviço pago.

Serviços de streaming de música há muitos, mas poucos oferecem a modalidade completamente gratuita que o Spotify oferece e que muitos concorrentes criticam. Infelizmente, parece que a modalidade gratuita poderá estar mesmo em risco, com rumores de que o Spotify se prepara para restringir as funcionalidades do serviço gratuito, de modo a incentivar a subscrição da modalidade paga.

As restrições poderão assumir várias formas, como conteúdos exclusivos que só estarão acessíveis para quem paga; lançamentos que só poderão ser ouvidos por tempo limitado - ou um número reduzido de músicas do álbum; entre outras. São limitações que poderão surtir o efeito desejado, fazendo com que alguns dos seus 55 milhões de utilizadores não pagadores decidam passar a fazê-lo; mas que também irão fazer com que (muitos?) outros se mudem para outras paragens onde possam ter acesso aos conteúdos que desejam de forma que continue a ser gratuita.

A mim nem me chateia nada que haja conteúdos que só estejam acessíveis para quem paga. O que me chateia mesmo é saber que estou a pagar para "sabe-se-lá-que-artistas" ao comprar um disco onde nunca irei guardar uma obra sujeita a direitos de autor. :P

2 comentários:

  1. isso vai fazer com que o pessoal simplesmente volte a ouvir musica pelo youtube novamente

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. YouTube tem publicidade também...

      E não tem todas as músicas, ou não devia ter...

      Eliminar

[pub]