2018/03/24

Satélite "artístico" Humanity Star já caiu na Terra - para agrado de todos


Ter satélites no espaço sem qualquer propósito funcional não é coisa que seja muito recomendável, mas no caso do polémico Humanity Star, foi literalmente uma estrela cadente, caindo na Terra menos de dois meses após o seu lançamento.

Embora o Tesla Roadster de Elon Musk a caminho de Marte tenha sido criticado, o caso do Humanity Star revelava-se ainda mais problemático, pois tratava-se de um projecto artístico cujo objectivo era simplesmente tornar-se num "ponto brilhante" no céu - algo que poderá parecer bastante inspirador e poético - mas que era encarado com horror por todos os astrónomos, relembrando o impacto que os satélites podem ter nas observações.



Felizmente, este satélite - um dos quatro lançados em segredo e sem autorização - que estava previsto manter-se 9 meses em órbita, acabou por cair em apenas 2 meses.

Resta apenas o consolo de aproveitar os dados da sua órbita para avaliar como o seu formato "bola espelhada" pouco convencional (para satélites) e a sua massa reduzida, afectaram a sua trajectória para causar esta reentrada tão adiantada face ao que estava inicialmente previsto.

3 comentários:

  1. Caiu a onde ? E não podia ter caído em cima da cabeça do Elon Musk ???

    ResponderEliminar
  2. não temos 2 meses a mais? "caindo na Terra dois meses menos de dois meses após o seu lançamento." ;)

    ResponderEliminar

[pub]