2018/04/02

Cloudflare lança DNS 1.1.1.1 - o mais rápido do mundo


A Cloudflare achou que estava na altura da Google ter alguma concorrência a sério a nível dos servidores de DNS, e avança com o seu 1.1.1.1 para destronar o 8.8.8.8 da Google.

Os servidores de DNS são pilares fundamentais para o funcionamento da internet, sendo os responsáveis por traduzir os endereços como "abertoatedemadrugada.com" no endereço IP que o computador tem que contactar para comunicar com qualquer servidor na internet. Considerando que uma página web pode contar centenas ou milhares de recursos carregados de uma dezena de sites diferentes (imagens, scripts, etc.) é de extrema importância que este serviço seja o mais rápido possível... e foi por aí que a CloudFlare decidiu enfrentar o serviço da Google.

O serviço de DNS da Google tornou-se popular entre todos os que não querem aturar as restrições dos endereços censurados dos operadores nacionais, sendo que o seu endereço 8.8.8.8 torna-o fácil de memorizar e utilizar sempre que seja necessários. Agora, a CloudFlare contrapõe com o seu 1.1.1.1 ainda mais fácil de lembrar e que apresenta diversos argumentos para cativar os utilizadores.

O primeiro é a velocidade: a velocidade de comunicação com o servidor de DNS da Google situa-se nos 37-38ms; usando o 1.1.1.1 da CloudFlare esse valor reduz-se para apenas 9ms (isto na rede da Vodafone em Portugal).


Adicionalmente, temos a segurança, com este serviço de DNS a suportar os modos DNS-over-TLS e DNS-over-HTTPS; e por último mas não menos importante... trata-se de um serviço que permite aos utilizadores evitar darem ainda mais dados à Google (o que nesta altura em que se tem que desconfiar de tudo, não será uma má justificação por si só para que "não se coloque tudo no mesmo cesto").

A mim parece-me que nem que fosse apenas pelo factor da velocidade, já era mais que merecedor experimentá-lo (e por via das dúvidas, podem deixar o 8.8.8.8 como servidor DNS secundário, quando possível).

Para além do 1.1.1.1 temos 1.0.0.1 como backup, e os 2606:4700:4700::1111 e 2606:4700:4700::1001 para IPv6.


Actualização: teste de velocidade dos diferentes serviços de DNS, com o Cloudflare a ficar na primeira posição na esmagadora maioria dos testes.


Nota: este serviço 1.1.1.1 foi anunciado a 1 de Abril mas é mesmo verdade, foi apenas devido à coincidência de serem 4 "1's"... daí sendo apropriado ser revelado no dia 4/1 (no formato de dados dos EUA).

30 comentários:

  1. Na minha rede corporativa 8.8.8.8 8ms 1.1.1.1 16ms

    ResponderEliminar
  2. Meo - 8.8.8.8 > 35ms | 1.1.1.1 > 7ms mas ainda estou para ver onde essa velocidade "extra" é relevante :) Existe algum jogo fps que faça uso intensivo do dns? :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não fará mesmo diferença em jogos fps? Não sou expert em redes, pergunto porque não sei mesmo:-)

      Eliminar
    2. Mas meu caro Hermano, não é preciso ser expert em redes :) Como o Carlos explica o DNS serve para substituir um endereço "abertoatedemadrugada.com" num endereço ip "216.239.36.21" para que os computadores possam falar uns com os outros. Isto acontece apenas quando estamos a visitar páginas no browser :)

      Eliminar
    3. Sim...mas se influencia o PING, não vai influenciar a ligação em jogos FPS?? Sabendo que (é a minha ideia, mas posso estar errado...) o mais importante numa ligação para os jogos online, é o PING e a estabilidade da ligação. As velocidades de ligação, principalmente a de download, não são muito relevantes...

      Eliminar
    4. É fácil de compreender caro Hermano. Quando jogamos um jogo pela internet, pomos o nosso computador a falar com o computador do jogo. Quanto mais rápido (ping) conseguimos enviar mensagens entre os 2 computadores melhor.

      Mas, o computador do DNS não faz parte das comunicações entre o nosso PC e o PC do jogo, logo esse ping não importa.

      Mais uma vez, o DNS só é usado quando escrevemos www.google.pt na barra de endereços do browser. Carregamos no enter e segue uma mensagem do nosso computador para o DNS, este responde, e depois segue uma mensagem para o computador da google e este responde com a página no nosso browser. E depois navegamos e daqui a uns minutos abrimos outra página, etc. Ora, retirar 20ms ao momento após clicar no enter....mas alguém alguma vez vai reparar nisso? :)

      PS: Já pra não falar da cache do PC

      Eliminar
    5. Ok Mori, obrigado.

      No meu caso, jogo numa Playstation4. Uma vez que nas cofigura)ões de rede da PS4 também existe a opção de alterar o DNS, e como tinha a ideia que isso influenciava a jogabilidade online, daí a minha dúvida.

      Eliminar
    6. O DNS não afecta só o browser, afecta sempre que houver necessidade de comunicar na internet com um endereço em formato de "domínio" em vez de ser um IP directo. Dito isto, a maioria dos computadores/sistemas é capaz de manter uma cache dos domínios acedidos, pelo que só fará um pedido inicial para o caso dos domínios que ainda não tenha em cache... Ou seja o impacto será imperceptível em muitos casos; mas pode chegar a notar-se a em páginas que carreguem muitos recursos de muitos sites diferentes (da primeira vez que se visitar).

      Nada como experimentar uns dias, e ficar com uma idea de como se comporta.

      Eliminar
    7. Eh pá, eu percebo que se façam estes comentários, mas fico um pouco "farto" deles hehe :) Cum caneco, é como falar de 6GB de ram em vez de 4 ou mesmo 3 num telemóvel.
      Mais é melhor? Pode haver sempre situações? Ora, na minha opinião se em 99% das situações não há impacto, não podemos abusar da linguagem e dizer que alterar o dns não tem qualquer impacto na velocidade? :)

      Eu faço assim um exercício mental e penso nos cerca de 15 websites que visito diariamente, penso na cache do windows, penso na cache do chrome, e chego à conclusão que os pedidos para o DNS são mesmo muito poucos e a existirem se criarem um lag de 100ms, entre o lag criado pelo próprio browser para mostrar os assets, sinceramente não consigo imaginar qualquer impacto.

      É por isso que peço a todos nós que digamos que não há qualquer impacto até que haja prova em contrário :)

      Eliminar
    8. Não é por negares ou por não sentires diferença no uso que fazes da net que o 1.1.1.1 deixa de ser mais rápido. :)

      Poe-te a fazer um scan de 10 mil dominios por ordem alfabética para saberes o seu IP... Experimenta com o DNS da Google e depois com o da Cloudflare... :)

      Cada caso é um caso... o que não tem impacto "para uns" não invalida que o tenha para outros. :)

      Eliminar
    9. Mas Carlos, o meu argumento é estatístico. Isso dito assim "o que não tem impacto para uns não invalida", até parece que estamos a falar de uma situação 50-50 ou 70-30 ou 90-10 :) O que digo é que pegamos em 100 utilizadores de net em portugal e 99 são utilizadores normais onde não há impacto.
      Tu já viste o exemplo que deste, mas quem é que vai fazer isso hehehe

      Enfim, se continuamos a conversa entramos em ciclo com certeza. Eu atiro assim estas provocações do não impacto porque sinceramente gosto que provem que estou errado para aprender qualquer coisa e às vezes dá jeito "provocar" porque motiva as pessoas para que se esforcem ;)

      Eliminar
  3. Pela NOS
    Ping 8.8.8.8 = 42ms
    Ping 1.1.1.1 = 14ms

    ResponderEliminar
  4. na minha NOS
    8.8.8.8 média 36
    1.1.1.1 média 10ms

    E nota-se a diferença, não me lixem. Obrigado Carlos mais uma vez por fazeres serviço público!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nota-se a diferença? Onde? Só se for a fazer o comando ping :)

      Eliminar
    2. Eu também noto e presumo que não seja só impressão. Ao abrir um website mais complexo há chamadas a uma data de endereços diferentes (entre conteúdo publicidade, imagen alocadas em vários servidores, etc), daí que provavelmente a diferença de velocidade acumulada possa chegar a quase meio segundo ou coisa assim, e isso já é bem perceptível "à vista desarmada".

      Eliminar
    3. Ok, venham de lá essas estatísticas então desses websites cheios de pedidos de dns :) Precisamos de data, data is king.

      Eliminar
    4. Noto diferença com os olhos. Aquelas coisas que tens debaixo do córtex, que tem sensibilidade à luz e que servem para... ver? Ou és daqueles que ainda acredita que uma diferença de 20ms "não é distinguível ao olho humano"? És como os outros que dizem que mais de 60fps não é necessário porque não conseguimos ver mais que isso? :)

      Eliminar
    5. Quer seja placebo ou não... desde que mudei, as páginas parecem mais "fluidas" a carregar... Não é uma medida científica, mas de momento vou manter o 1.1.1. :)

      Eliminar
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  6. Meo Figueira da Foz
    8.8.8.8=38ms
    1.1.1.1=10ms

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como fazem esse teste do ping?
      Eu vou ao "cmd" e depois ?

      Obg

      Eliminar
    2. ping 1.1.1.1
      ping 8.8.8.8
      (podes também usar o nome, estilo: ping google.com)

      Eliminar
    3. Obg Carlos

      ping 8888 tenho 39 de media
      ping 1111 tenho 14 de media

      isto sempre com o meu dns original de 8.8.8.8

      Sera que tinha que mudar para 1.1.1.1 e fazer novo teste?

      Eliminar
  7. Isso é uma questão de tempo até porque os servidores ficarem lentos. Quando toda a gente começar a usar, vão ver como ficam lentos.

    ResponderEliminar
  8. Rede corporativa "ainda telepac"

    8.8.8.8 = 57ms

    1.1.1.1 = 30ms

    ResponderEliminar
  9. Pena não dar pra mudar no Android também, ou pelo menos eles recomendam mudar antes no router (e o nos hub não permite).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por isso mesmo o melhor é usar o nosso proprio router, e o do operador apenas como "modem".
      O da NOS até é jeitoso nesse aspecto, pois pode funcionar em modo bridge ligado através da porta 4, como convém para esta situação (algo que o da Vodafone não faz, por exemplo).

      Eliminar
  10. "... trata-se de um serviço que permite aos utilizadores evitar darem ainda mais dados à Google"
    Mudei para o 1.1.1.1 por causa disso :)
    [E depois de perceber +/- quem era a Cloudflare e depois de ter anunciado que a KPMG examina anualmente o código par confirmar que não são guardados dados de navegação mais do que um dia (salvo erro)].
    Os milisegundos a menos, enfim, mal não faz :)

    ResponderEliminar
  11. Parece que a Meo continua à frente :)
    às 23:42
    8.8.8.8 - 35ms
    1.1.1.1 - 7ms

    ResponderEliminar
  12. Podem utilizar o totalmente gratuito DNS Benchmark ( https://www.grc.com/dns/benchmark.htm ) para comparar os diversos serviços.
    É só ir a "Nameservers" e para adicionar os endereços do Cloudflare é só carregar em "Add/Remove" e introduzir os IP's um a um, carregando "add" entre cada introdução.
    Ainda mostra a fiabilidade no final da operação se carregarem no "Tabular data".
    Este método parece muito mais informativo que os acima referidos.

    ResponderEliminar

[pub]