2018/05/26

Apple bloqueia iPad sem motivo aparente - deixa jovem sem a sua "vida digital"


Estamos habituados a pensar que os nossos dados digitais estão mais seguros que os nossos pertences físicos, mas infelizmente também esses podem desaparecer de um momento para o outro sem explicação lógica... e sem grandes hipóteses de os conseguirmos recuperar.

O caricato - mas assustador - caso aconteceu com uma jovem que usava um iPad mini usado que lhe tinha sido oferecido por uns amigos dos seus pais. Era o seu tablet principal, onde acumulava todas as suas fotos e demais informações digitais, mas que de um momento para o outro se tornou num intransigente bloco de vidro e metal, bloqueado sem qualquer explicação ou motivo aparente.

A Apple bloqueou o acesso ao iPad e à conta iCloud da jovem, mesmo esta sabendo o seu username e password; sendo que aquilo que não sabe são as respostas às perguntas de recuperação (que na altura em que criou a conta, em 2010, tinha sido recomendado pela mãe que usasse valores "inventados"), e o email que tinha associado à conta também já caducou. Embora se possa argumentar que deveria ter tido o cuidado de actualizar o email... a verdade é que a Apple nunca a impediu de fazer login com toda a normalidade, durante anos e anos... até agora, do nada, bloquear tudo e sem disponibilizar qualquer forma de recuperar o acesso à sua conta e iPad.

Embora seja ridículo que, de um instante para o outro, se possa transformar um equipamento funcional num pisa papéis bloqueado sem hipótese de ser reutilizado com uma nova conta; mais ridículo é que se deixe de ter acesso à conta iCloud com todos os seus dados - mesmo tendo o username e password correctos!

... No mínimo, dá que pensar quanto à confiança que se deve ter (ou não) nos equipamentos que pensamos estar sob nosso controlo, não? E isto que aqui aconteceu por motivos "inexplicáveis", pode muito mais facilmente acontecer por motivos de acidente e morte de um membro da família, etc. e de um momento para o outro bloqueando o acesso a equipamentos e contas na cloud.


P.S. Mesmo com o caso a ter atraído a atenção da Apple e a merecer acompanhamento especial, parece que não há mesmo forma de desbloquear a situação...

10 comentários:

  1. assim a apple vende mais.
    qualquer dia temos smartphones e tables ao estilo do que a microsoft ou a sony queria fazer com os jogos. nada de emprestar ou vender em 2 mao hahahaha

    ResponderEliminar
  2. "I think it may have to do with when I modernized my AppleID to use an email address, which is what the iTunes account on the iPad is registered to" - diz a mãe.

    I think the same. But anyone reading the post can only come to a conclusion - Apple is the bad wolf, it is ... the poor child ... :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim... porque actualizar um AppleID deverá bloquear o acesso a uma conta iCloud em que a utilizadora sabe o username e password...

      (E não esquecer que nem com o suporte "personalizado" da Apple, resolveram o assunto - que não deixa de ser esclarecedor...)

      Eliminar
    2. A mãe da criança escreveu dois posts sobre o assunto.

      - No primeiro está o que transcrevi: "I think it may have to do with when I modernized my AppleID to use an email address, which is what the iTunes account on the iPad is registered to
      "https://ericasadun.com/2018/05/22/in-which-apple-destroys-my-daughters-ipad-forever/

      - No segundo essa parte é omitida, ficou só a história do lobo mau e da criancinha, que reproduzes.

      É óbvio que a mãe - quando quis "modernizar a Apple ID para usar como endereço de e-mail" mexeu no AppleID do iCloud a que o iPad está associado. Um Apple ID é uma conta com um e-mail (e password), como qualquer outra. A password pode-se alterar - mas o e-mail (utilizador) não. A "modernização do e-mail da AppleID" não existe, tem que se criar outra AppleID.

      Pelo meio apagou a AppleID da conta do iCloud a que o iPad está associado, dado que era um e-mail que já não lhe servia para nada (o serviço desse e-mail já nem existia). Bem pode a filha tentar usar a Apple ID anterior, de uma conta que já não existe.

      "Ah, mas ela falou com a assistência da Apple ..." Se só contou a parte do 2º post vai dar ao mesmo.

      As histórias da Apple "lobo mau" enfim, convém ir mantendo o sentido crítico. Nem sempre as histórias que se escrevem na web são reais. Também dependem da predisposição para se acreditar nelas :)

      Eliminar
    3. Eu quando li nao vi nenhuma referência a eliminar contas AppleID, li apenas que a conta da filha, com o seu email e a sua password (sendo que nenhum destes campos foi alterado) deixou de funcionar... Mas não sou especialista no funcionamento das contas iCloud/iTunes; se bem que a própria Apple contraria o que tu afirmas...
      "Change your Apple ID
      Follow these steps to change the email address that you use as your Apple ID" - https://support.apple.com/en-us/HT202667

      Eliminar
    4. Diz a mãe no primeiro post:

      "The only thing we know is that it happened at roughly the same time the ApplePay person told me to update my AppleID. It may be related. It may not be."

      Acho que está relacionado. Parece-me provável que tenha criado um nova Apple ID (com novo e-mail) e eliminado a anterior. Fui ler e quando se pede para eliminar um Apple ID surge um pendente com opções para dar uma última oportunidade para repensar - uma delas é "endereço de e-mail não utilizado há muito tempo". Se era esse o caso, eliminou a conta sem pensar em mais nada.

      Também li (não sabia) que se pode alterar o e-mail (utilizador) de uma Apple ID.

      O que fez a mãe ao certo não sei. Mas o que é certo é que o teu post, baseado no segundo post dela, parece-me mais uma história do "Pedro e o lobo".

      Eliminar
    5. Eu nao estou preocupado com o lobo; estou é preocupado que um utilizador, perante as opções que tenha (ou não tenha), se veja num caso assim e perca o acesso a toda a sua "vida".

      Eu bem me lembro do terror que era tentar lidar com o iTunes e aqueles avisos em que dizia algo do género "se vai sincronizar vai apagar as coisas que já tem no iPhone"... mas a coisa era mesmo assim, embora pudesse induzir os utilizadores em erro.

      Qualquer sistema que permita que um utilizador fique com um dispositivo bloqueado, quando sabe o seu username e password, parece-me que está a falhar em algo.
      (No mínimo, deixava fazer o login e informava que tinha havido alterações e que teria que associar a uma conta nova ou a repor o equipamento "de fábrica"... mas nunca ficar com o dispositivo inutilizado quando se é o legítimo dono).

      Eliminar
    6. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
    7. O bloqueio do iPad também não se percebe bem. Um iPhone/iPad bloqueia:
      - Se se introduzir o código errado várias vezes (username e password não têm nada a ver para o caso). Restaurando de fábrica perdem-se os dados mas fica novo - exceto:
      - Se o utilizador der ordem que impeça o restauro através do sistema "Encontrar iPhone" (se essa opção estiver ativa no equipamento)

      Terá sido isso que aconteceu. A senhora não sabe fazer o restauro e para um serviço da Apple o fazer pede-lhe a fatura (parece-me ser esta a questão da fatura). Não percebo a relação entre o bloqueio do iPad e da conta iCloud.

      Quanto a não se ter acesso a uma conta mesmo que se tenha as credenciais é perfeitamente possível - eliminando a conta (e em certos casos bloqueando totalmente o acesso ao seu conteúdo, incluindo o do próprio utilizador). Sejam quais forem os avisos - e a Apple avisa e pede um motivo para eliminar uma conta - é sempre possível um utilizador fazer isso. Estas coisas estão feitas para quem perceba, quem não percebe trama-se.

      Eliminar
  3. "No mínimo, dá que pensar quanto à confiança que se deve ter (ou não) nos equipamentos que pensamos estar sob nosso controlo"

    Errado... É um dos "perks" de comprar Apple os produtos deles nunca, mas NUNCA estão sobre o nosso controlo. Uma das coisas que enquanto assim for me fará nunca dar-lhes 1€ que seja.

    ResponderEliminar

[pub]