2018/08/16

Google exige maior qualidade para apps Wear OS

Parece que com a transição do Android Wear para Wear OS a Google está finalmente a prestar mais atenção às apps que correm nos seus smartwatches, e agora vai apertar as regras quanto à qualidade mínima exigida para que a app seja disponibilizada na Play Store.

Não é segredo que a qualidade das apps para smartwatches Wear OS é de extremos, tanto se tendo apps bem feitas como apps que não se compreendem como foram aprovadas, e são estas últimas que a Google quer eliminar. Já a partir do dia 1 de Outubro entram em vigor novas regras para a aprovação de apps para smartwatches Wear OS, sendo que para as apps já existentes também será necessário que sigam estas regras até 4 de Março de 2019.

A demonstrar como muitas destas apps falham em coisas básicas, a Google refere que um dos pontos que os developers têm que considerar, é assegurar que a sua app é capaz de se ajustar adequadamente aos diversos tipos de ecrã dos variados smartwatches Wear OS (com ecrãs rectangulares, circulares, e circulares com "recorte") - algo que actualmente nem sequer era verificado, resultando em apps que podem apresentar informação cortada ou que nem sequer é visível dependendo do smartwatch.

Uma atenuante para os developers é a de que o processo de avaliação da app Wear OS é independente da app mobile Android, pelo que mesmo que a Google chumbe a app Wear OS, as actualizações feitas à app Android podem continuar a ser aprovadas e a chegar aos utilizadores.

... Tudo isto pode também ser visto como mais um pequeno sinal a favor dos rumores de que a Google prepara o lançamento de uns smartwatches Pixel nos próximos tempos.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]