2018/09/03

Impressora 3D Anet A8 a €128


Bem a tempo do arranque do novo ano lectivo, poderão querer adicionar uma impressora 3D à lista do material escolar aconselhado para iniciar os mais jovens no maravilhoso mundo da criação 3D (em vez de se limitarem a querer comprar tudo já feito).

A Anet A8 é uma das impressoras 3D mais populares no mercado, com todas as vantagens que isso traz a nível de se encontrarem dicas e respostas na internet para todo o tipo de perguntas que se possam fazer.

Esta impressa tem um volume de impressão máximo de 220 x 220 x 240mm, tem ecrã LCD para sabermos o que está a fazer, e pode imprimir camadas com uma espessura de 0.1 a 03mm dependendo do nível de precisão e acabamento desejado.


A Anet A8 está de momento disponível por 128 euros, com envio da Europa, com portes de envio de 9.99 euros.

De notar que esta impressora 3D, tal como muitas outras nesta gama de preços, é fornecida desmontada; sendo que o processo de entrada no mundo dos "makers" será feita logo desde o momento em que se abre a caixa, pois a primeira coisa a fazer será montar a própria impressora. Depois disso será uma questão de ir dando os primeiros passos no mundo da impressão 3D, primeiro com algumas peças pré-feitas, depois começar a modificar algumas, e por fim avançar para a criação de peças 3D completamente de raiz.

Como se costuma dizer, os resultados são apenas limitados pela (falta de) imaginação! :)

12 comentários:

  1. A impressora faz menos que 0.1mm.
    Eu tenho 1 e sinceramente.... Não comprem, existe no mercado impressoras um pouco mais caras com mais qualidade. É muito giro pra quem está a começar e quer perceber como funciona, mas o trabalho que ela dá é demasidado, muitas horas perdidas... Muitas mesmo....
    Só em 6 meses estragou-me 3 correias (2 delas com aço) até que finalmente percebi que o o problema estava no desenho da propria A8.
    O Chassi é em acrilico que parte ou dobra, o nozzle entope muito facilmente quando se troca de spool e não é nada facil retirar esse plastico.
    O mais importante, esta impressora nunca mas nunca se deve deixar a imprimir sem supervisão, ela é conhecida por pegar fogo, existem varios casos conhecidos.
    Conclusão, aprendi bastante mas estou a montar 1 nova, vou acabar por desmontar a A8 e aproveitar motores, ventoinhas, transformador, cama e mais nada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. faltou me 1 coisa: A cama vem empenada, tal como os varões.

      Eliminar
    2. Qual seria a melhor alternativa/ recomendação?

      Eliminar
    3. Algo deste tipo: https://www.gearbest.com/CREALITY-3D-ender%5E%5E3-_gear/

      Eliminar
    4. Tente uma cr ender 3 tem bons feedback. Se quiser gastar mais e ter melhores resultados tem sempre a prusa. Tem uma gama de impressoras boas.

      Eliminar
  2. Dá-me ideia que isto das impressoras 3D prometia muito, mas afinal tarda em cumprir. Ou foi sobretudo hype sem grande razão de ser?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A impressoras 3D fazem o que prometem. Por exemplo quando algo se extraga já nao ha a necessidate de comprar o equipamento novo, desenha-se a peça que esta partida.

      Eliminar
  3. tenho 2 unid e 5km de filamento impressos. Não digo 0 problemas, que os tive, mas todos solucionados e algumas melhorias. A única peça substituída foi um nozzle, que o estraguei a desentupir. PLA, ABS, madeira, metal, fluorescente, flexível, transparente, tudo experimentado, cada um com o seu humor, mas estou contente com o valor dado. Sim, é boa para quem começa e tem pachorra e destreza.

    ResponderEliminar
  4. Madeira não é boa idea pois corroi o nozzle....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Madeira não corrói apenas entope e normal. Pois os filamentos de madeira normalmente contém uma percentagem de madeira. Por isso e acontelhado imprimir com nozzles superiores a 0.4.

      Eliminar
    2. O fluorescente também provoca erosão, que era isso que ele queria dizer...

      Eliminar

[pub]