2018/09/23

Nova Ford Transit terá versão híbrida plug-in


A Ford apresentou no salão "IAA Commercial Vehicle 2018", que decorre em Hannover (Alemanha) até 27 de Setembro, a mais recente geração do popular furgão Transit, com versões conectadas e electrificadas.

Quando for lançada em meados de 2019, a nova Ford Transit de 2 toneladas irá surgir com motores mais eficientes, um incremento da capacidade de carga, conectividade integrada e avançadas tecnologias de apoio ao condutor, juntamente com um novo design frontal e um novo interior, com reforços ao nível do espaço de arrumação.

Para além de uma actualização aos motores diesel 2.0 EcoBlue, que permitirá baixar os custos de operação, os novos clientes Transit poderão encomendar a tecnologia mHEV 48 volts em versões de transmissão manual, melhorando a eficiência dos consumos, particularmente na condução urbana de constante pára/arranca. O sistema mHEV capta a energia durante a desaceleração para uma bateria de iões de lítio de 48V, usando essa energia armazenada na operação do motor e dos demais componentes eléctricos.

A nova Ford Transit Custom PHEV conta com um sistema híbrido com zero emissões durante 50 quilómetros, integrando um bloco a gasolina 1.0 EcoBoost como extensor de autonomia. O motor EcoBoost carrega as baterias  quando são necessárias viagens mais longas entre recarregamentos, permitindo maior eficiência e flexibilidade, assim como uma autonomia total superior a 500 km.

Em Hannover, a Ford deu também a conhecer duas novas soluções para veículos frotistas conectados, desenvolvidas internamente pela área Ford Smart Mobility. A Telemática Ford irá dar aos operadores de frotas uma aplicação baseada na web que fornece soluções para ajudar os profissionais de frotas a melhorar a utilização dos seus veículos, maximizar a sua disponibilidade, optimizar os custos de operação e gerir os seus condutores. Em separado, os Serviços de Dados Ford permitirão aos operadores de frotas ter a opção de trabalhar com os seus próprios prestadores de serviços no acesso aos dados dos veículos, de nível OEM (Original Equipment Manufacturer), disponibilizados directamente do veículo para a "nuvem", permitindo criar, sob medida, as suas próprias soluções de frotas.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]