2018/10/22

Ebay aventura-se na retoma de smartphones


O hábito (necessidade?) de comprar um novo smartphone é normalmente acompanhado pelo vender do smartphone que se possui actualmente, e o Ebay quer estar na linha da frente quando for altura de o fazer, com um novo serviço que promete valor de retoma mais elevado.

Independentemente de o fazerem anualmente, ou a cada dois ou três anos, a verdade é que o processo de trocar de smartphone se tornou num ritual da sociedade moderna. Pode dizer-se que isso já quase justificaria que as marcas começassem a disponibilizar serviços que já garantissem o acesso aos futuros modelos, mediante o pagamento de uma mensalidade fixa - algo que algumas marcas já vão disponibilizando; mas na sua maior parte, as empresas que oferecem serviço de retoma depressa se revelam uma desilusão quando se vê o valor que estão dispostos a pagar pelos equipamentos.

O Ebay quer destacar-se nessa área, oferecendo um novo serviço de venda instantânea de smartphones, que na prática funciona como um serviço de retoma para compra. A diferença está no valor que o Ebay promete dar pelos equipamentos.


A título de exemplo, e comparando com serviços de retoma de operadores (Verizon e AT&T), de outras empresas (Gazelle e EcoATM), e da própria Apple, o valor indicado pelo Ebay é significativamente superior. Para um iPhone X, enquanto as ditas empresas oferecem valores de $115 e $475, e os operadores oferecem entre $550 e $585 (mais que os $525 oferecidos pela própria Apple), o Ebay anuncia um valor médio de $639.

Para um iPhone 7 e iPhone 8, ambos com 256GB, a proporção é ainda mais atractiva, com $357 vs os $200 da Apple, e $515 vs $350, respectivamente.

No entanto, há que ter em conta que estes são valores indicados para modelos em condições irrepreensíveis (o serviço inclui a troca dos acessórios por novos, e embalamento), e que os valores reais podem ser substancialmente inferiores em caso de haver marcas ou danos; se bem que isso também acontecerá nos restantes serviços. Adicionalmente, este valor pago pelo Ebay é em voucher para se gastar no próprio site, o que também terá que se ter em conta.


Dito isto, confesso que fico surpreendido por não ver marcas como a Samsung, Huawei, Xiaomi, OnePlus e outras, apostaram na disponibilização de um serviço de "mensalidade", que desse acesso continuado a um modelo novo todos os anos (ou cada dois anos).


1 comentário:

  1. Boa jogada.
    Presumo que a eBay se está a ver obrigada a encontrar rapidamente formas inovadoras de fazer negócio.
    Quando comparada com a atual Amazon, aquilo quase parece uma espécie de feira da ladra a nivel global...
    (mesmo considerando que sou muito grato ao serviço que aquela empresa tem prestado faz mais de 15 anos.)

    ResponderEliminar

[pub]