2018/11/08

Android vai permitir actualizar apps de forma mais versátil


Para além do suporte para ecrãs dobráveis, a Google apresentou várias novidades do Android, entre as quais se incluem novas formas de actualização das apps, que podem ser mais - ou menos - intrusivas.

A Google apresentou diversas novidades no Android Dev Summit, e uma das mais interessantes será o novo sistema de actualização de apps. Tradicionalmente, a actualização de apps é algo que a maioria dos utilizadores deixa activada de forma automática, para que sejam feitas durante a noite; ou que desactiva, actualizando-as apenas se, e quando, decidir dar um salto à Play Store para esse efeito.

O problema é que isso pode resultar em situações complicadas, no caso de haver uma qualquer vulnerabilidade grave que tenha que ser corrigida quanto antes; o que levou a Google a implementar novas formas de incentivar, ou forçar, a actualização das apps.


Os developers vão ter à disposição duas novas modalidades para actualizar as apps. A primeira, apresenta um ecrã quando o utilizador abrir a app, obrigando-o a que faça a actualização antes de poder prosseguir - solução que resolverá a questão de uma qualquer actualização crítica. Se se pode considerar isto um pouco intrusivo (mas legítimo, se for utilizado apenas para essas situações urgentes), a segunda revela-se bastante mais amiga dos utilizadores. Neste modo, aparece uma janela a avisar o utilizador que existe uma actualização disponível, mas ficando à discrição do mesmo fazer a actualização imediatamente ou mais tarde. A parte interessante é que mesmo que o utilizador opte por fazer a actualização nesse momento, o processo de actualização decorrerá em segundo plano, permitindo que se continue a utilizar a app na sua versão actual. Só quando a actualização estiver completa é que surge novo aviso para arrancar novamente a app e passar para a versão actualizada.

Isto vem resolver a questão de se ficar impedido de utilizar uma app enquanto a mesma está a ser actualizada, o que pode ser bastante frustrante no caso de apps grandes e quando se tem uma velocidade de internet reduzida (para não falar na lei de Murphy, que garantidamente fará com que essas actualizações ocorrem sempre em momentos em que se precisava de ter acesso imediato à app - eu que o diga, que já me vi por diversas vezes nessa situação).

1 comentário:

[pub]