2018/12/01

Huawei pode ter alternativa ao Android


Este assunto não é propriamente novidade, até porque depois dos problemas da ZTE no mercado Americano e do bloqueio à Huawei, a questão tem sido várias vezes levantada: estará a Huawei a trabalhar numa alternativa ao Android?

Oficialmente, as declarações da marca apontam todas na mesma direcção, frisando a existência de uma estreita parceria com a Google. Todavia, se tivermos em conta a aposta da Huawei no mercado mobile e as suas ambições, é de crer que a marca tenha um plano alternativo de recurso caso lhe seja vedado o acesso ao Android.

Bruce Lee, Huawei Vice President para o Handset Business, terá referido numa rede social chinesa que a Huawei está a desenvolver um sistema alternativo ao Android. Nesta comunicação, é ainda feita referência à colaboração com a Google no desenvolvimento do FuchsiaOS, ficando por isso no ar a dúvida sobre as declarações do responsável da Huawei, visto tratar-se de uma tradução automática das declarações em chinês.

De qualquer forma, não seria propriamente algo de novo. A Samsung também vai mantendo o seu Tizen, e a Huawei poderá muito bem ter internamente uma versão alternativa do Android à qual pudesse recorrer se a actual guerra com os EUA, que têm boicotado activamente a utilização de todos os produtos da marca, não só a nível de produtos de consumo como especialmente material de infraestrutura de redes, vier a complicar-se ainda mais no futuro. Algo que também poderá ajudar a explicar porque motivo têm dito não terem qualquer interesse em lançar modelos com Android One, preferindo manter o seu EMUI.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]