2018/12/01

NASA revela empresas que irão regressar à Lua


Para o regresso à Lua a NASA não vai ficar dependente apenas dos seus sistemas, recorrendo a múltiplas empresas privadas para agilizar essas missões.

É um pouco "chato" para qualquer criança fascinada com o espaço, tentar perceber porque motivo no tempo dos seus pais ou avós o Homem foi à Lua, mas que passados quase 50 anos, a Lua continue tão inatingível como sempre. Onde estão as bases lunares, os hotéis espaciais, e tudo o resto com que se sonhava desde meados do século XIX? Mas não vale a pena chorar sobre o tempo desperdiçado, há apenas que ir dando os passos para tornar esse futuro realidade. Nesse sentido a NASA tem algumas boas novidades.

A NASA quer regressar à Lua, e já revelou quais são as empresas comerciais que irá utilizar como parceiras: Astrobotic Technology, Deep Space Systems, Draper, Firefly Aerospace, Intuitive Machines, Lockheed Martin, Masten Space Systems, Moon Express, e Orbit Beyond.

Desta forma, a NASA espera que o acesso à Lua se torne bastante mais comum e acessível, de modo a que até outras entidades privadas possam considerar a ideia de criarem projectos lunares. Esperemos é que, daqui por mais 50 anos, não se esteja na mesma situação em que estamos agora ao recordar a chegada do Homem à Lua.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]