2019/01/08

Ecrã micro-LED da Samsung pode crescer com módulos de encaixar


Embora a Samsung esteja a direccionar o seu ecrã micro-LED para o segmento empresarial, para este ano está prometida uma versão direccionada para o público - e pelo que tem sido mostrado, não será difícil ir fazendo crescer estes ecrãs modulares ao longo do tempo.

Há muito que se aguardam pelos ecrãs micro-LED, que trocam os compostos orgânicos dos ecrãs OLEDs por LEDs tradicionais para uma maior longevidade e eficiência. O problema é que, enquanto os ecrãs OLED podem ser produzidos por sistemas idênticos ao de impressão com jato de tinta, nos micro-LEDs todos os microscópicos LEDs têm que ser posicionados, um por um, com incrível precisão - um processo bastante mais demorado e dispendioso.

A única atenuante é que o facto de se estar a falar de módulos evita que um problema com um único LED possa arruinar um ecrã de 100" - bastando trocar o módulo afectado. E surpreendentemente, isso é algo que se pode fazer com extrema facilidade.

Este sistema da Samsung consiste numa estrutura de módulos quadrados que podem formar o formato que se desejar, e que ficam encaixados entre si.


O painéis micro-LED propriamente ditos encaixam depois com facilidade nestas bases, com o sistema a reconhecê-los e a expandir a imagem para eles numa questão de segundos.


Fico curioso para ver este sistema ao vivo, principalmente para ver se a junção entre os módulos é realmente imperceptível quando se está a olhar para eles à distância de visualização recomendada. É que, se assim for, este seria o sistema perfeito para quem deseja um ecrã que pudesse pagar hoje, mas que pudesse ir expandindo ao longo do tempo. E o facto de serem micro-LEDs faria com que não houvesse diferenças demasiado significativas mesmo ao colocar um painel novo ao lado de um mais velho (embora seguramente também deva haver um processo de calibração para garantir que estão todos com os mesmos níveis).


... Só falta a Samsung dizer-nos quanto irá custar a "prestação inicial" para um kit base deste sistema... e depois é sempre a somar. :)

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]