2019/02/09

Oculus Rift S troca câmaras externas por "internas"


Depis de ter dito que não iria lançar um Rift 2, a Oculus parece estar a preparar uns novos óculos VR Rift S, que abdicam do sistema de tracking utilizado na versão original.

Estes Rift S deverão contar com resolução melhorada, e em vez do sistema de câmaras externas para fazer o tracking do posicionamento dos óculos, passarão a contar com câmaras integradas nos próprios óculos. A grande vantagem é que tal sistema simplifica imensamente o processo de instalação, e permite fazer tracking a 360º em espaços abertos sem que se tenha que perder tempo (e dinheiro) a preparar a cobertura do local com câmaras de forma adequada.

Falta saber que tipo de câmaras irão ser utilizadas. Se fossem câmaras 3D Time of Flight, o sistema poderia funcionar mesmo em completa escuridão e obter dados 3D de alta precisão sobre o mundo à sua volta).

Outro ponto que está a gerar alguma preocupação é o facto de, ao contrário do que acontece nos Rift originais, para estes Rift S é feito referência a um ajuste da distância inter-pupilar (distância entre os olhos) feita por software e não por ajuste físico. Se assim for, quer dizer que não haverá ajuste das lentes mas apenas das imagens apresentadas no ecrã. Isto poderá não ser um problema, mas para isso seria necessário garantir que as lentes têm um campo visual suficientemente amplo para permitir que a imagem fique focada numa faixa bastante alargada de utilização para os diferentes utilizadores.

Teremos que esperar pela sua apresentação oficial para ver que tal este Rift S se sairá como potencial sucessor dos Rift.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]