2019/03/30

Apple cancela o AirPower


A Apple pôs finalmente um ponto final na longa novela da sua prometida base de carregamento AirPower, que se arrastava há mais de um ano, anunciando publicamente que irá cancelar o produto por não o conseguir fazer "com a qualidade desejada".

Depois de ter apresentado o AirPower a par do iPhone X, com a promessa de que seria capaz de recarregar sem fios até três dispositivos simultaneamente e que chegaria "em breve", o AirPower foi passando por diversas fases conturbadas, com adiamentos sucessivos que culminaram com a remoção de todas as referências ao mesmo do site da Apple.

Mas a verdade é que o fantasma do AirPower permaneceu, sendo novamente apanhado na documentação que vinha com o iPhone XS e, mais recentemente, nos recém-lançados AirPods 2 com a sua caixa de carregamento wireless. Torna-se por isso particularmente embaraçoso que, poucos dias após o lançamento dos AirPods 2 com a caixa a insinuar que o carregador AirPower estaria iminente, a Apple revele aos clientes que afinal não vai haver AirPower - gerando grande contestação.


Na origem de tudo isto deverá ter estado a ambição da Apple em criar uma base que permitisse carregar um dispositivo em qualquer local que fosse pousado, em vez de ter que ficar perfeitamente alinhado em sítios específicos, como acontece nos restantes carregadores wireless. Foi um problema que desde logo se revelou difícil de superar (tanto a nível de aquecimento como de emissões) mas que, estranhamente, a Apple parece ter continuado a achar que conseguiria resolver, mesmo com todos os atrasos e o que isso implicou: as caixas dos AirPods 2 referem o ano de 2018, pelo que tudo indica que estavam prontos para ser comercializados há meses, mas provavelmente tendo sido adiados de modo a poderem dar mais algum tempo para que o AirPower fosse lançado.

Um verdadeiro vaporware que manchará a reputação da Apple durante muito tempo, e que faz levantar também algumas preocupações quanto à sua recente tendência de apresentar produtos e serviços que só irão ficar disponíveis muitos meses mais tarde... contrariando aquilo em que se tinha especializado: de apresentar produtos que chegariam às lojas pouco tempo depois.

4 comentários:

  1. Tropeço mais que anunciado, mas como, agora, o mais importante é o stream, credit card e games, pede-se desculpas de teclados defeituosos e de vaporware e siga pra bingo: subscrevam, mas é!!!
    Que te viu e quem te vê...

    ResponderEliminar
  2. Cada vez mais a maçã dentada faz recordar a velha canção dos Overkill:
    "Rotten to the core."

    ResponderEliminar
  3. Mas axam sinceramente q alguem, tirando geeks e ultra fans da maça, vai saber sequer deste incidente?!?

    ResponderEliminar

[pub]