2019/04/12

Sonda da SpaceIL despenhou-se na Lua


Demonstrando que não há certezas nem garantias na exploração espacial, a sonda da SpaceIL que ia aterrar na Lua conseguiu chegar ao seu objectivo mas não da forma planeada, despenhando-se durante o processo de aterragem.

A sonda Beresheet da SpaceIL era uma das que fazia parte do desafio Lunar Xprize da Google, que tinha prometido uma recompensa de 20 milhões de dólares a projectos privados que conseguissem chegar à Lua. Infelizmente, o prazo do desafio chegou ao fim sem vencedores. A sonda foi lançada num foguete da SpaceX em Fevereiro, e passou várias semanas a caminho da Lua.

Infelizmente, durante o processo de aterragem houve um problema no motor, fazendo com que a sonda atingisse a superfície lunar a uma velocidade de 134 metros por segundo (mais de 480 km/h) o que, como se poderá imaginar, não constitui exactamente a definição de "aterragem".


Caso a missão tivesse sido bem sucedida, marcaria a primeira aterragem na Lua de uma missão privada e tornaria Israel no quarto país (a seguir-se à URSS, EUA e China) a ter chegado com sucesso ao nosso satélite natural.

Fica desde já prometida que a SpaceIL irá tentar de novo, e para isso contribuirá o facto da Fundação Xprize ter decido atribuir-lhes um prémio de 1 milhão de dólares por "quase" terem conseguido, como forma de os incentivar para o futuro.

2 comentários:

  1. Carlos, o termo correto não é "aterragem" mas sim "alunagem".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sei, mas é deliberado por solidariedade com os restantes planetas do sistema solar.
      No dia em que tivermos "amartagem", "avenagem" e "aneptunagem", etc., passarei a usar o alunagem. :)

      Eliminar

[pub]