2019/06/12

DJI Storm vem com equipa de estúdio incluída


Se pensavam que a série profissional de drones da DJI já era "puxada", esperem até ver o seu mais recente Storm, para o segmento acima do profissional.

O DJI Storm não é um drone para se levar numa filmagem de férias, nem tão pouco para ser utilizado em eventos profissionais convencionais. Enquanto drones como o Matrice 600 suportam câmaras com até 5.9 kg, este Storm é capaz de transportar câmaras de 18.5 kg, contando com oito hélices e um gimbal Ronin 2 PTZ. Pode voar a velocidades de até 80 km/h (60km/h quando em modo GPS), suportar temperaturas de até -10ºC, e oferece autonomias de até 25 minutos - embora, com uma câmara típica esse valor caia para os 15 minutos e, com o peso máximo, se possa reduzir a 8 minutos.

Mas a parte mais curiosa é que nem sequer se vai poder comprar este drone. A DJI disponibiliza-o apenas para aluguer sob a alçada do seu serviço "DJI Studio Custom Aerial Cinematography Service" acompanhado por uma equipa profissional.

Considerando que um drone como o Matrice 600 já podia custar perto de 5000 euros, será provavelmente a melhor opção. (Outros drones de nível profissional com capacidade idêntica ao do Storm vão para valores de 30 mil euros, o que já permite ficar com uma ideia de quanto custaria um brinquedo destes.)

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]