2019/06/26

YouTube dá mais controlo aos utilizadores sobre vídeos e canais recomendados


O YouTube respondeu rapidamente às polémicas que o acusavam de sugerir vídeos inapropriados, passando a dar aos utilizadores maior controlo sobre os vídeos que lhes serão recomendados.

Os vídeos que o YouTube recomenda para se verem "a seguir" são, na maior parte dos casos, adequados para os gostos de cada utilizador. No entanto, isso nem sempre acontece e não há nada mais irritante do que estar continuamente a ser confrontado com sugestões sem qualquer interesse ou, pior ainda, quando se tratam de vídeos completamente absurdos e abusivos (o YouTube não tem sido muito eficaz a remover canais polémicos, optando por mantê-los com a "penalização" de não poderem receber dinheiro de publicidade - o que não resulta em grande penalização em canais populares que vivem à custa da venda de merchandising e donativos directos).

De qualquer forma, passamos a ter mais controlo sobre o que queremos ou não queremos ver. O YouTube anuncia três alterações que serão implementadas nos próximos dias:
  • Explorar tópicos e vídeos relacionados na página inicial e em vídeos "A Seguir" - As opções que são apresentadas baseiam-se nas sugestões personalizadas existentes e têm como objectivo ajudar o utilizador a encontrar o que procura de uma forma mais rápida. Podem ser vídeos relacionados com o que está a visualizar, vídeos publicados pelo canal que o utilizador está a assistir ou outros tópicos que podem ser do seu interesse.

  • Remover sugestões dos canais que o utilizador não quer ver - Basta tocar no botão com os três pontos ao lado de um vídeo na Página Inicial ou no menu lateral " A Seguir" e escolher a opção em "Não recomendar canal". Após a alteração, o utilizador não deverá ver mais vídeos do canal que o YouTube lhe sugeriu.

  • Saber mais sobre o porquê de um vídeo poder ser sugerido para o utilizador - o utilizador irá passar a ver mais informações por baixo do vídeo em questão e numa caixa pequena.

Este último ponto será particularmente interessante, pois poderá ajudar a perceber porque motivo o YouTube nos está a "impingir" algum vídeo - quer seja realmente do nosso interesse ou nem por isso. Por exemplo, poderemos descobrir que é por ser um vídeo bastante popular entre subscritores de um canal que também seguimos; e poderá esclarecer certas dúvidas ou suspeitas sobre o que o terá feito chegar até nós.

Algumas destas funcionalidades já estão disponíveis nalgumas das plataformas (web, Android, iOS) sendo uma questão de tempo até que todos tenham acesso a todas elas.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]